FMO janeiro 2020

11/11


2011

Tribuna do leitor: o PDT de Queiroz é o mesmo de Lupi

“A Revista Veja desta semana traz um episódio envolvendo o esquema de propina do Ministério do Trabalho que é liderado pelo presidente nacional licenciado do PDT, ministro Carlos Lupi. Em paralelo a isso, em Pernambuco, outro escândalo tomou conta da imprensa pernambucana, a chamada “Máfia do leite”, liderada por um dos maiores homens de confiança do presidente estadual do PDT do estado e prefeito de Caruaru, José Queiroz.

A empresa que distribui leite para as escolas da prefeitura de Caruaru tem ligação direta com o ex-procurador do executivo da cidade, João Alfredo Beltrão, fato que ocasionou na demissão do “braço forte” de José Queiroz, em coletiva realizada na mesa de 80 mil reais, compradas pelo Chefe do Executivo.

A distribuição do leite nas escolas de Caruaru foi uma das grandes bandeiras da campanha do PDT, que trazia com um marketing caríssimo sua idéia de levar para todas as séries da rede municipal. Ainda mais, a denúncia partindo de uma vereadora do município de Altinho e respaldada por um vereador do PT de Caruaru, partido que ocupa duas secretarias no governo.

Fico com vergonha desses políticos que estão destruindo a cidade que tanto amo, que nasci, construí minha família e hoje moro. Como professor, fica meu voto de indignação a toda essa ladroagem que está ocorrendo. Fico mais indignado ainda com o prefeito da minha cidade alegar em entrevista coletiva que não sabia de nada, isso é o cúmulo do ridículo, nem nisso consegue imitar o ex-presidente Lula.

No final das contas chegamos à conclusão que o PDT que Carlos Lupi proclama e esbraveja em Brasília é o mesmo que o presidente estadual de sua sigla executa no meu município que é o maior do interior de Pernambuco. Levando em conta também, que João Alfredo Beltrão é filiado ao PDT caruaruense, o partido do arrumadinho.”

Gustavo Henrique
Caruaru – PE


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Elaine Oliveira

Artigo totalmente sem fudamento algum.

LUCIANA ALVES

Professor, por essa brilhante linha de raciocínio o DEM(neto da ARENA) é da mesma linhagem da ARENA/PDS/PFL/DEM que pelo periodo que estavam no poder privatizaram os recursos públicos, e nobres familias politicas enriqueceram. A memória do país tá viva.

jose silva antonio

MUITO HONESTO VOCE SEU JORGE OLHE PRIMEIRO SEUS ESQUELETOS NO ARMARIO DEPOIS FALE DOS OUTROS

JORGE GUERREIRO

A DEMOCRACIA DA LADROAGEM, roubam são afastados do cargo e não devolvem o erário aos cofres públicos. Que País é esse!!!

EDSON COSTA DE SIQUEIRA

Pois é, caro professor Gustavo Henrique, no fundo, esses são os frutos desse nosso modelo de "democracia à brasileira"


Detra maio 2020 CNH

11/11


2011

Dilma perderá votos na Câmara se demitir Lupi

Quando disse que só deixa o Ministério do Trabalho se for "abatido à bala", o ministro Carlos Lupi não fazia apenas uma fanfarronice. Tirá-lo do posto será mais difícil para a presidente Dilma Rousseff do que foi, por exemplo, trocar cinco ministros que se envolveram em suspeitas de irregularidades e um sexto, Nelson Jobim (Defesa), por insubordinação.

Lupi hoje é quase o dono do PDT. Licenciou-se de sua presidência somente para obedecer a uma formalidade legal, mas continua sendo quem manda de fato. De acordo com informações de bastidores do Planalto, a presidente Dilma sabe da força de Lupi. Hoje, se ele deixar o ministério e resolver fazer oposição, leva consigo 24 dos 26 deputados - Antonio Reguffe (DF) e Miro Teixeira (RJ) são adversários de Lupi, mas já atuam como se estivessem na oposição. Portanto, em um rompimento com o ministro Dilma perderia 26 votos na Câmara. No Senado, Lupi tem força sobre quatro dos cinco senadores - o independente é Cristovam Buarque (DF).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

S. C. B. M.

VAI FICAR PROVADO Q SE O LUPI NÃO CAIR,TANTO A DILMA COMO OS DEMAIS Q FAZEM ESTE GOVERNO ético PETISTA,FICA COM MEDO DE ELE DELATAR AS SUJEIRA DE 2003 ARE HOJE.TEM MUITO RABO PRESO.

JORGE GUERREIRO

Dillma não demite LUPI, porque êle pode entregar o LADRÃO MÓ que é o LULLA.

cristiano lins de amorim

ESTA EXPLICADO PORQUE ELE NÃO CAIU, IGUALZINHO O CASO DOS MENSALÕES.QUASE TODOS ENVOLVIDOS JÁ ESTA PROVADO OS DESVIOS E OS ROUBOS,MAS A JUSTIÇA É CEGA E CUSTA CARO.NOS BRASILEIROS VAMOS APELAR PRA QUEM?? SE QUEM ELEGE ESTES PICARETAS É O POVO QUE SE LIMPA COM JORNAL E NÃO QUEM OS LÉ.

EDSON COSTA DE SIQUEIRA

Interessante é que a maioria acredita nesse modelo de "democracia à brasileira".


Abreu e Lima

11/11


2011

Demissões em massa no Estaleiro Atlântico Sul

Depois de demitir cerca de 750 trabalhadores nos últimos dois meses, o Estaleiro Atlântico Sul (EAS) está cortando mais trabalhadores esta semana, informa o portal JC Online. De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Pernambuco (Sindmetal-PE), mais 500 profissionais estão sendo desligados da empresa desde a quinta-feira (10). Os funcionários temem novas demissões e indicam que trabalhadores de fora do Estado estão sendo admitidos pelo estaleiro com salários mais elevados.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em nota de esclarecimento, o Estaleiro Atlântico Sul afirma que os desligamentos ocorrem devido "à finalização das obras do navio petroleiro João Cândido e do casco da plataforma P-55", que devem ser entregues em dezembro, mas a empresa não se pronunciou sobre o número de demissões nem quantos profissionais são admitidos em média. Segundo o representante do Sindmetal-PE, Ezequiel dos Santos, pernambucanos estão sendo substituídos por trabalhadores do Rio de Janeiro e da Bahia.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

S. C. B. M.

Ô LUPI;O CRESCIMENTO DE EMPREGO NO PAIS Q TANTO FALAS NÃO PASSA DE TUA PROPAGANDA ENGANOSA;EM 2 MESES O ESTALEIRO ATLÂNTICO SUL, Q O LULA LALA INAUGUROU O NAVIO PELA METADE E Q ATE HOJE Ñ SAIU, JÁ DEMITIU 750 TRABALHADORES.O GOV DE PE.A PREFEITURA E O GOV FEDERAL SÃO CAMPEÕES EM PROPAGANDA ENGANOSA


Prefeitura do Ipojuca

11/11


2011

PT indica hoje Haddad candidato a prefeito de São Paulo

O PT selou na quinta-feira um acordo para enterrar as prévias e lançar o ministro da Educação, Fernando Haddad, como o candidato do partido à prefeitura de São Paulo em 2012. A decisão é uma vitória pessoal do ex-presidente Lula. Ele derrotou políticos tradicionais para impor o aliado, inexperiente em eleições, sem uma consulta aos filiados.

Ontem, os deputados Jilmar Tatto e Carlos Zarattini, que ainda mantinham suas pré-candidaturas, aceitaram desistir em favor de Haddad. Segundo petistas, eles serão recompensados: Tatto deve ser o líder do PT na Câmara em 2013, e Zarattini deve ser indicado relator do Orçamento no ano que vem. O acordo será anunciado nesta sexta-feira, em ato que reunirá o ministro, os dois deputados que desistiram e os presidentes do PT nacional, Rui Falcão, e municipal, Antonio Donato.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/11


2011

Eugênio condena críticas de aliados à gestão petista

 

 

 

 

 

 

 

Rivânia Queiroz, repórter especial

O presidente estadual do PT, deputado Pedro Eugênio, foi mais enfático, hoje, ao tratar do avanço da pré-candidatura do ministro Fernando Bezerra Coelho (PSB) e das censuras que o socialista vem fazendo, discretamente, à gestão do prefeito João da Costa (PT). No seu entendimento, não é legítimo fazer críticas ao conteúdo de uma administração sendo parte dela.

Ele avisou que a Frente do Recife e de Pernambuco não tem dono e que apenas são conduzidas pelo prefeito e governador. “Criticar uma dessas gestões, sendo parte do processo, não é apropriado, como também não o é fazer a crítica externa sem antes fazer à interna”, mandou Pedro Eugênio, em entrevista à Rádio Folha.

O petista explicou que acha tranquilo o PSB ter um pré-candidato. “Faz parte do processo político”. Mas advertiu que quando um aliado, com o peso que tem o partido socialista, se coloca em linha contrária, é preocupante. “Isso dá um peso maior do que se fosse outro partido”. Contudo, avisou que embora seja forte, não é o PSB que vai resolver sozinho o xadrez político do Recife.

“Ele (o PSB) não tem o dom de resolver o problema por si só. O PT é o partido de Dilma e hoje tem a Prefeitura do Recife”, lembrou. Discreto, Pedro Eugênio não quis avaliar o estilo de Bezerra Coelho, apenas o considerou aguerrido e fez questão de dizer que “às vezes, na política, se começa de um jeito e depois se toma outro rumo”, fazendo referência à movimentação de FBC quando se colocou para senador e recuou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

11/11


2011

Caruaru recebe investimentos na área de saúde

A prefeitura de Caruaru foi contemplada pelo Ministério da Saúde com a construção de mais uma Academia das Cidades. A decisão foi publicada na página do Ministério esta semana. Em 2008 Caruaru ganhou o primeiro equipamento, no bairro São João da Escócia. Hoje, o local é um dos mais movimentados da cidade, com dezenas de atividades diariamente, reunindo centenas de moradores.

Além do projeto, a Capital do Agreste deve receber ainda outro importante investimento na área de saúde, o Hospital Mestre Vitalino, que será a maior unidade de saúde do interior do estado. A ordem de serviço para as obras do Mestre Vitalino deve ser assinada no final de novembro, durante a visita da presidenta Dilma Rousseff a Pernambuco. Além do novo hospital, a cidade deve ganhar ainda o projeto de macrodrenagem, que prevê obras de saneamento e tratamento de água no município. O serviço está orçado em R$ 100 milhões, fruto de convênio direto com o ministério da Integração Nacional.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Aldenes coutinho

PODEM MANDAR TODO O DINHEIRO QUE QUIZEREM PRA CARUARU, NÃO ADIANTA NADA, O PROBLEMA DAQUI É DE GESTÃO...AÍ DEPOIS VÃO CHORAR O LEITE DERRAMADO..KKKKKKKKKKKKKKK

EDSON COSTA DE SIQUEIRA

Sem dúvida, o mundo de Frank Baum continua encantando muita gente. Pena que a realidade é outra!

Marcilio Diniz

Uma presidente sempre olhando por Caruaru, só na gestão Queiroz mesmo. Quantas vezes FHC veio a nossa cidade? Espero que esse progresso continue.

Ruan Cláudio Lopes

O Hospital Mestre Vitalino vem com tudo, será uma unidade de referência no nosso estado; Mais uma de Zé Queiroz, que vem mostrando sua preocupação no setor dia a dia. Tô com ELE de novo.

Gilmadson Lins

É Dilma, Eduardo e Queiroz, por uma Caruaru mais forte! Atraso nunca mais...


Prefeitura de Serra Talhada

11/11


2011

Usina termelétrica gera polêmica na Alepe

Rivânia Queiroz, repórter especial

A instalação da usina termelétrica de Bertin em Pernambuco está sendo discutida, neste momento, na Assembleia Legislativa. O deputado Daniel Coelho (PSDB), contrário ao empreendimento, propôs a audiência pública, que conta a presença de representantes da OAB, da Fiepe, sociedade civil e estudiosos. Nenhum representante do Governo do Estado está presente.

O secretário de recursos hídricos, João Bosco, informou que já tinha agendado um compromisso para hoje e, por isso, não poderia comparecer. O secretário de Meio Ambiente e o presidente da CPRH também não foram nem justificaram suas ausências.

O professor do departamento de elétrica da UFPE, Eitor Scalambrine, é um dos convidados. Em sua participação, falou acerca das consequências econômicas e ambientais que a maior usina do mundo trará para o litoral Sul de Pernambuco. Ele informou que governo estadual escondeu um detalhe importante para os pernambucanos. “Eram cinco usinas oferecidas ao Nordeste. Nenhum estado se interessou. Apenas o nosso. Assim, as cinco usinas se juntaram em uma só e agora vai se instalar em Suape”, explicou o professor, na audiência.

Volume
O empreendimento requisitará recursos da ordem de R$ 2 bilhões. Mais da metade desse montante virá do BNDES. Caso entre em funcionamento, a termo vai gerar uma emissão de 3 mil toneladas de CO2, por dia. Havendo um problema, a praia de Porto de Galinhas seria atingida diretamente, já que fica distante apenas 8 quilômetros da usina.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

11/11


2011

Elias Gomes e FBC assinam convênio para conter avanço do mar

Mesmo ainda aguardando a autorização da Agência Pernambucana de Meio Ambiente (CPRH) para a execução das obras de contenção do avanço do mar, o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Elias Gomes, e o ministro da Integração, Fernando Bezerra Coelho, assinam na próxima segunda-feira (14), às 10h, a primeira parte do convênio para o engordamento da orla do município. O contrato é no valor de R$ 13 milhões.

Com o engordamento, a faixa de praia ficará em média em 30 metros. Serão necessários 600 mil m³ de areia, o equivalente a cerca de 60 mil caminhões do tipo caçamba. A obra de contenção do avanço do mar vai contemplar trechos das praias de Piedade, Candeias e Barra de Jangada, numa extensão de 5,3 Km.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Pedro Marculino Homeron

Esse prefeito é que uma temeridade pra jaboatao. Quando o TCE julgar a conta do CABOPREV, quero ver ele virar ficha suja.

Mario Junior

Se eu fosse você Edvaldo, engolia essa raiva e ia lá no ato da assinatura dar parabéns ao Prefeito e ao Ministro, e agradecer por mais essa conquista. Deixa pra ser oposição quando tiver motivos, mesmo assim de forma propositiva, buscando melhorar as coisas e não apenas para ganhar eleições.

Mario Junior

Jaboatão espera por isso há anos, essa obra beneficia a todas as classes sociais. Um dos únicos lazeres dos mais pobres é a praia, que é de graça e tá sumindo. O CPRH tem é que correr atrás de Jaboatão pra resolver as coisas e não o contrário. Toma logo um remédio pra sua dor de cotovelo meu caro.

Mario Junior

Não entendi o comentário caro Edvaldo. Quer dizer que assinar o convênio de liberação de verba é uma temeridade? ora, das duas uma, ou você não sabe o que significa a palavra temeridade ou tá muito puto com mais essa conquista de Elias Gomes. Amigo, é o engordamento da orla! Você sabe o que é isso?

Mario Junior

.


Shopping Aragão

11/11


2011

Lossio diz que indicação para Sudene não foi de ministro

''Caro Magno,

Nossa presença no Conselho se deu por indicação da AMB ( Associação Brasileira de Municípios). Além disso, nao podemos ser classificados como adversários ferrenhos, até porque hoje militamos politicamente em cidades diferentes. Eu voto em Petrolina, enquanto o ministro é pré-candidato em Recife.''

Julio Lossio
Prefeito de Petrolina


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/11


2011

Fux pode mudar voto sobre Ficha Limpa

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, relator das ações que tratam da legalidade da Lei da Ficha Limpa, pode mudar seu voto sobre a questão da renúncia de políticos para escapar de processo de cassação. Fux defendeu na quarta-feira (9), em seu voto, que a Lei da Ficha Limpa deveria ser alterada para que a renúncia só pudesse tornar o parlamentar inelegível se já houvesse processo de cassação aberto contra ele. Mas, na quinta-feira (10), disse que vai reanalisar a matéria.

Caso entenda que sua proposta abre brechas para impunidade, pretende modificar o voto concordando com o atual texto da lei diz que o político já fica inelegível se renunciar quando houver uma representação para abertura do processo que pode levar a cassação. “Posso mudar. Você sempre reflete sobre a repercussão da decisão. Então, até o termino do julgamento, a lei permite que o próprio relator possa pedir vista e mudar o seu voto. É uma reflexão jurídica e fática”, disse.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

Se o político renuncia antes do início do processo, além de está jogando com a regra, também tenta esconder algo errado, porque niguém joga fora o leitinho, se não tiver um motivo maior.