O Jornal do Poder

05/01


2013

Administrando em família: nepotismo cresce no País

Casal na prefeitura. Firmino Filho e a mulher, nomeada como coordenadora Foto: Efrém RibeiroCasal na prefeitura. Firmino Filho e a mulher, nomeada como coordenadora - Efrém Ribeiro

Nem bem assumiram o comando de suas cidades, na última terça-feira, prefeitos de municípios brasileiros já tomaram como uma de suas primeiras decisões nomear parentes para cargos remunerados de primeiro e segundo escalões. Em prefeituras do Norte ao Sul do país, mulheres, mães, pais e irmãos de prefeitos eleitos ou reeleitos no ano passado foram alojados na máquina municipal.

O prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB), rompeu uma tradição de seis mandatos de não nomear parentes. Ele nomeou sua mulher, Lucy Soares, para a Coordenadoria de Defesa da Mulher.

— Nomeei porque ela tinha disposição e vontade de exercer o cargo em defesa das mulheres — declarou Firmino Filho.

O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), indicou a esposa, Márcia Fruet, para comandar a Fundação de Ação Social (FAS) e a irmã, Eleonora Fruet, para assumir a Secretaria de Finanças. O salário mensal dos secretários municipais na capital paranaense é de R$ 13,5 mil. Fruet sustenta que os parentes são profissionais de sua confiança. Na prefeitura de Manaus, o ex-senador Arthur Virgílio (PSDB) nomeou a mulher, Goreth Garcia, para a Secretaria de Assistência Social, mas afirmou que a esposa não receberá o salário do cargo, de R$ 18 mil. (Informações de O Globo). Clique aí e leia matéria completa Administração em família: nepotismo avança no Brasil


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Ed Soares

Essa coisa do nepotismo está muito mais arraigada do que se parece. Aqui em Barreiros o prefeito e o vice são irmãos, a esposa do vice é secretária de saúde, três tios dos irmãos, estão em secretarias distintas e por aí vai... E tem mais, a justiça e o ministério local não aceitam reclamações contra

Carlos Maranhão

Caro Magno, tome conhecimento que: o senhor Prefeito de MORENO Dilsinho, implantou um verdadeiro CORONEPOTISMO na Prefeitura de Moreno, colocou como Secretário de Educação o tio Alilton Gomes, Irmão do sec. geral do PSB estadual Adilson Gomes Pai, se ainda não bastasse Colocou a Madrasta mulher do

Carlos Maranhão

mulher do seu pai Adilson Gomes como sec. de Planejamento. Outro fato foi que Dilsinho disse na Entrevista a CBN que não iria aumentar o salário, mas já revogou e fez um dos maiores aumentos de prefeito da região metropolitana 20.000, Realmente o CORONEPOSTISMO DO PSB EM MORENO ESTAR A PLOR DA PELE.

AMANDA KELLY

E como


Potencial Pesquisa & Informação

05/01


2013

PT: pedras e espinhos no caminho

 CARLOS CHAGAS

É difícil, escarpada e cheia de pedras e espinhos a trajetória do PT no rumo da renovação. Quando parecia superada a etapa de conquistar o inconquistável, que seria a defesa dos réus do mensalão, depois de estabelecida a premissa de que o partido já fizera tudo o que podia ser feito, acontece o quê? O refluxo azedo da posse de José Genoíno como deputado. Está sendo tudo renovado e revirado, sem que os companheiros possam, ao menos de público, exprimir sua reação ao retrocesso. Ninguém, no partido, ousará criticar o ex-presidente da legenda, mas todos, sem exceção, lamentam seu gesto. Abre-se de novo a ferida que ameaçava cicatrizar. Será que vão desanimar?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

05/01


2013

Fernando Bezerra e a burocracia que atrapalha

 A partir do momento em que o próprio ministro do Desenvolvimento, Fernando Bezerra, admite que a burocracia atrapalha a liberação de dinheiro na prevenção de tragédias, é sinal de que algo precisa ser feito para evitar males piores. Os deslizamentos ocorridos no Rio de Janeiro, há dois anos, e que mataram centenas de pessoas, não foram suficientes para que se criassem medidas de aceleração do trâmite dos processos de realização das obras emergenciais. Segundo Bezerra, hoje se leva 180 dias para a execução dos trabalhos.

No Rio, por exemplo, milhares de moradias prometidas às vítimas da Região Serrana ainda não ficaram prontas, conforme admite o governador, Sérgio Cabral. Porém, apesar da burocracia ser um entrave, o estado também tem sua parcela de culpa, como se viu no distrito de Xerém, em Duque de Caxias. Se os serviços públicos tivessem funcionando, rios e galerias não transbordavam como aconteceu na Baixada Fluminense. (Luiz Carlos Azedo  - Voluna Brasília DF)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Emanuel Gonzaga Cursino Leite

Com tanta burocracia, ainda assistimos grandes casos de corrupção, imagine se não existisse essa tal burocracia! O caso do Rio de Janeiro onde o Gov. Sergio Cabral festeja em Paris com empreiteiros de obras, significa alguma coisa?



05/01


2013

''''Eu quero é ser um poste do Lula'''', diz Berzoini

Expectador de carteirinha de “Lula – O Filho do Brasil”, exibido na
quarta-feira pela Globo, o deputado Ricardo Berzoini (PT-SP) fez
questão de contar que assistiu novamente o filme para explicar porque a oposição tanto teme Lula.

O alvo, segundo ele, é o carisma e a força do retirante e metalúrgico
que se tornou um fenômeno político, capaz de eleger até “postes”.
Segundo ele, a Globo decidiu exibir o filme para melhor o ibope,
depois de constatar que o mensalão não derrubou a popularidade do
ex-presidente.

Certo de que a luta continua e que o ex-presidente vai colocar na vida
pública outros personagens que ainda estão no baixo clero da política, Berzoini reivindicou com humor um lugar ao sol: “Eu também quero ser poste”. Eu quero ser um poste diz Berzoini. (Do blog Poder Online - Vasconcelos Quadros)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JANDILSON DE ALBUQUERQUE CORDEIRO

Só na cabeça de berzoini, que é um mediocre, igual ao lula e ao filme,desde o tempo que era preseidente so sindicato dos bancários.

Lêda Rivas

O cara tem oportunidade de ser gente, mas prefere ser poste. Os cães agradecem.



05/01


2013

Lula prepara Haddad para 2018?

DO BLOG DE CHRISTINA LEMOS
 O prefeito Fernando Haddad teve seu primeiro dia de trabalho na gestão da maior, mais importante e mais problemática cidade do País. O desafio que terá pela frente se reveste de dificuldade ainda maior diante de sua inexperiência administrativa. Não obstante, Haddad estará sob teste. Seu sucesso no comando da capital paulista pode se transformar num trampolim para saltos muito mais ousados.

O esforço de Lula para elegê-lo representa a aposta do ex-presidente numa nova cara para o PT. Típico "self-made man" — o jovem de origem simples e dedicação obstinada ao trabalho que virou ministro —o prefeito encarna uma imagem muito mais moderna que o padrão petista médio. De discurso moderado, instruído, fala mansa, pouco dado a confrontos, o ex-ministro não perde a cabeça, não altera o tom, não parte para cima, não cai em provocação. Mas mantém convicção e disciplina férreas, e demonstra lealdade inabalável.

Estas últimas características são muito semelhantes às que
transformaram Dilma na escolhida de Lula, em 2010, para concorrer ao Planalto. Caso o projeto do ex-presidente considere Haddad para
sucessor de Dilma de 2018, para o prefeito, a contagem regressiva já
começou. Em juventude e boa estampa, ele seria páreo perfeito para os potenciais futuros concorrentes, Aécio Neves e Eduardo Campos.

Mas antes de 2018, há ainda duas grandes eleições que podem
transformar por completo o cenário de hoje. Ou consolidá-lo. O futuro
de Haddad começa hoje.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


05/01


2013

''Este homem vive do gogó'', diz Vilela sobre Collor

 O governador Teotonio Vilela Filho (PSDB) decidiu reagir às declarações - e acusações - do senador Fernando Collor de Mello (PTB)sobre o chefe do Executivo estadual. Prováveis adversários nas eleições de 2014, Vilela vem sendo alvo recorrente de Collor e decidiu rebater as acusações. Em entrevista ao Programa Cidadania, na manhã desta quinta (3), Vilela disse que Collor nunca ‘viabilizou nenhum recurso para Alagoas'', a despeito da atuação dos seus colegas de parlamento, Benedito de Lira (PP) e Renan Calheiros (PMDB).

Vilela citou a revista Veja, que avaliou o desempenho dos senadores no Congresso Nacional e atribuiu nota 0 ao parlamentar alagoano. “Foram considerados presença, atuação, projetos de lei, enfim, e ele (Collor) recebeu nota zero”, citou Vilela.

O governador também propôs um exercício de memória, pedindo as pessoas que citassem alguma obra executada por Fernando Collor quando este esteve à frente do Executivo. ''Este homem vive do gogó'', num alusão à eloquência e ao discurso de Fernando Collor.(Do site Alagoas 24 horas)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

AINDA VOTAM NESSA AVE DE MACUMBA PRÁ SENADOR ?

Emanuel Gonzaga Cursino Leite

Estado das Alagoas e Estado do Maranhão, figuram com o menor IDH (índice de desenvolvimento humano), do país. A culpa é de quem? Claro que é do povo que não sabe votar!



05/01


2013

Na casa da mãe Joana

 O deputado José Genoíno (PT-SP), que assumiu ontem, não é o único condenado no exercício do mandato na Câmara. A revelação é de Ilimar Franco, na sua coluna do Globo. Ele conta que, além dos condenados no processo do mensalão João Paulo (PT-SP), Valdemar Costa Neto (PR-SP) e Pedro Henry (PP-MT), há muito tempo Natan Donadon (PMDB-RO), protela, usando recursos e artifícios jurídicos, o cumprimento de sua pena.

''''Por medo de ser surpreendido com um pedido de prisão, o deputado Natan Donadon só aparece na Câmara depois que sua equipe faz uma vistoria pelos corredores e gabinete para checar se não há policiais ou oficial de Justiça a sua espera.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

É só cercar e colocar o nome PAPUDA II.



05/01


2013

Imoral, legal, enoja

CARLOS BRICKMANN

 Quem gosta de futebol sabe quem é Pagão: um gênio da bola, o primeiro companheiro de Pelé, que acabou deixando os gramados de tanto que levou pancada (e nunca reagiu). Foi o maior ídolo de Chico Buarque de Holanda, que, garoto, ia ao Pacaembu sem dinheiro para o ingresso, esperava a abertura dos portões no segundo tempo e só então entrava, e apenas para ver Pagão.

Num certo jogo, alguém dividiu uma bola e o zagueiro adversário caiu no chão, machucado. A bola sobrou para Pagão, sozinho na frente do gol. Ele não quis se aproveitar da situação: elegantemente, colocou a bola para fora. Poderia ter feito o gol. Era legal e o jogador adversário poderia ser atendido do mesmo jeito. Mas como enfrentar sua própria consciência?

No Governo Itamar Franco, seu principal auxiliar e amigo Henrique Hargreaves sofreu uma acusação. Itamar o afastou até que o caso fosse investigado. Não havia nada contra ele; e, inocentado, Hargreaves voltou ao cargo. Durante o processo, ficou longe do palácio: não ficaria bem uma pessoa sob suspeita dando ordens no Governo.

E aí chegamos a José Genoíno. É legal ele tomar posse, mesmo condenado em última instância, já que faltam algumas formalidades para que ele seja enviado à prisão, em regime semiaberto. Legal, é; como seria legal se Pagão tivesse feito o gol, se Hargreaves tivesse se mantido no cargo. Mas ambos, em papéis diferentes, tinham consciência do que é comportamento ético.

Já Genoíno tomou posse. Ele, que violou a lei, agora irá votar as leis.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Emanuel Gonzaga Cursino Leite

O Poder emana do povo para o povo.Vivemos no país onde o povo está indiferente à política, vivendo no cada um por si. O que esperar desta situação?Justamente o que estamos vivenciando. Rui Barbosa previa o que iria acontecer. "Prosperar as injustiças,as nulidades, e ter vergonha de ser honesto.

Josadaque Vieira

No giv Itamar teve o caso da parabolica e o danado foi ser embaixador em Portugal e ai.Olha que o cara assumia que mentiu.

Everaldo Aleixo

Vcs nao entenderam ainda que o homem só está cumprindo a LEI!!!!!



04/01


2013

Falência em Santa Cruz leva prefeito a decretar emergência

um gde
Uma espécie de força-tarefa em andamento para montagem do gabinete do prefeito de Santa Cruz

O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira (PSDB), decretou, há pouco, estado de emergência para efeitos administrativos diante da situação de penúria em que recebeu a gestão do ex-prefeito Toinho do Pará (PTB). Com isso, o prefeito fica amparado na lei para fazer contratos emergenciais sem licitação por até 90 dias, caso seja comprovada a extrema necessidade.

Também passa a avaliar todos os contratos e optar pelos seus pagamentos ou não. Suspende os pagamentos das gratificações da gestão anterior e cria regras para novos contratos emergenciais. Pelo decreto, nenhuma despesa extra poderá ser feita pela equipe de secretários sem a autorização do prefeito.

Santa Cruz do Capibaribe é a segunda cidade do Agreste Setentrional a recorrer ao decreto do estado de emergência sob a alegação de que a situação deixada pela gestão anterior é praticamente ingovernável. Durante todo o dia de ontem (3), o prefeito ficou checando informações com a sua equipe.

A cada notícia chegada, um choque. “O município está um caos e não sabemos de fato quanto é o rombo total, porque a cada hora chegam informações inusitadas e chocantes”, disse o tucano, que tem trabalhado, nos últimos três dias, de sete da manhã até meia noite. ''Saímos do gabinete ontem perto da meia noite”, disse.

Enquanto Vieira perde o sono para administrar o quadro de terra arrasada, o ex-prefeito Toinho do Pará se volta agora para o futuro. O prefeito soube que, domingo passado, na antevéspera da sua posse, ele teria pagado a última fatura de uma fazenda na região do distrito de Poço Fundo.

foto gde
Esta é a mansão do ex-prefeito de Santa Cruz, Toinho do Pará (PTB)

Toinho se encaixa no perfil dos novos ricos. Uma das melhores casas da cidade é a dele, situada no bairro São Cristóvão, conforme foto feita por este blogueiro na passagem, hoje (4), pela cidade.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

roberto lima

Brega e cara . Nesse quesito (construção de casa durante o mandato) um prefeito da região metropolitana do Recife pelo menos teve bom go$to na costrução de sua "vivenda".

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

Mnada esse energúmeno contratar um arquiteto porque não adianta roubar para construir uma merda dessa, de extremo mau gosto !!!

Emanuel Gonzaga Cursino Leite

Por este descalabro, o primeiro culpado é o eleitor. Em seguida vem o não respeito as leis, como também a certeza de que nunca serão punidos.Se esses Prefeitos irresponsáveis,saíssem algemados para a prisão(não domiciliar)e tivessem seus bens confiscados, esta situação não ocorreria.



04/01


2013

Santa Cruz: até coveiro-marajá na folha de pagamento

um gde

Em Santa Cruz do Capibaribe, a 194 km do Recife, segunda etapa da série que trata da herança maldita dos municípios, o ex-prefeito Toinho do Pará (PTB) usou o poder para adoçar a boca de aliados. Em quatros anos de uma gestão medíocre, o trabalhista assumiu, pelo valor mensal de R$ 30 mil, um hospital particular do ex-vereador Inácio Marques Vieira, o Doutor Nanau, agora arrendado e controlado pelo município.

Achando pouco, locou ao mesmo aliado - e pagando uma bagatela de R$ 3 mil - uma ambulância que nunca carregou um paciente sequer. Já os prédios dos Postos de Saúde da Família - 16 no total - funcionam em casas pertencentes a vereadores e políticos da corrente do prefeito, com aluguéis que variam de R$ 600 a R$ 1,5 mil. Nas informações que já foram levantadas foi encontrado até um coveiro-marajá, que embolsava R$ 4 mil de salário.

Toinho adoçou a boca também de um parente próximo com o aluguel de um pequeno imóvel pelo valor de R$ 10 mil ao mês e que servia apenas para um anexo de uma escola. Um automóvel do modelo Gol, ano 99, foi alugado ao município por R$ 1 mil/mês.  Foi identificada ainda uma firma de material de escritório fornecendo notas à Prefeitura como se tivesse vendendo pneus.

dois gde

E os escândalos não param por aí: dos 14 mil inscritos no programa Bolsa-Família, a assessoria do atual prefeito desconfia que pelo menos três mil estivesse recebendo salário da Prefeitura sem estarem devidamente registrados. A lei diz que nenhuma família beneficiada pelo programa pode ter vínculo com serviço público porque recebe através de conta-salário.

Em Santa Cruz, a Saúde está na UTI. O prefeito Edson Vieira, que tomou posse sem as chaves da administração pública e teve que arrombar as fechaduras, só há uma ambulância em funcionamento. Há mais duas do SAMU, mas que não estão em operação. Pilhas de medicamentos com vencimento no ano de 2010 foram encontradas no estoque da Secretaria de Saúde.

tres gde


Das 20 escolas da rede municipal de ensino, apenas uma não foi encontrada com rachaduras. A abertura do ano letivo está ameaçada para cerca de 10 mil alunos. Na merenda escolar foi encontrado leite deteriorado, baratas sobre os alimentos nas dispensas e apenas xerém para servir aos alunos que estudam em tempo integral.

A maior escola do município, com capacidade para 1,5 mil alunos, não tem água nas torneiras.  A principal praça pública da cidade, localizada em frente ao prédio da Prefeitura, utilizou por muito tempo um “gato”, uma rede de desvio de água. Tão logo a Compesa identificou mandou cortar.

No último ano de sua gestão, o ex-prefeito promoveu verdadeiros trens de alegrias de servidores públicos, tendo demitido, ao final do mandato, mais de 600 pessoas. Hoje, apesar de Santa Cruz do Capibaribe ter uma população beirando os 100 mil habitantes e ser o maior centro de sulanca do Nordeste, arrecada apenas R$ 500 mil por mês.

quatro gde

“Nossa meta é chegar pelos menos a R$ 1,5 milhão/mês”, diz o prefeito Edson Vieira. O hospital do município voltou a funcionar esta semana depois de ficar fechado por três dias, o que acabou prejudicando a população carente, sem acesso aos planos de saúde.

ROMBO

Da mesma forma como ocorreu em Toritama, os computadores que faziam o controle fiscal da Prefeitura de Santa Cruz ficaram sem memória. Por isso, o rombo deixado pelo ex-prefeito ainda é um grande mistério. Vieira diz ter recebido informações de um passivo, hoje, em torno de R$ 6 milhões, incluindo fornecedores.

cinco gde

Não está contabilizado o débito previdenciário, cujo contrato mensal negociado custa ao município em torno de R$ 500 mil. Quanto à folha de pagamento, o ex-prefeito deixou em aberto o mês de dezembro e o 13º salário. Desde então, profissionais responsáveis pela manutenção dos serviços básicos da cidade, como médicos e professores, estão sem receber.

O lixo, encontrado em todas as partes da cidade, passou a ser recolhido porque o prefeito fez um apelo ao dono da empresa responsável, que tem a receber mais de R$ 1 milhão dos cofres municipais. Das 63 licitações feitas pelo ex-prefeito, 47 se deram através de cartas convite.

seis gde

O matadouro é grande ameaça à saúde pública. Numa visita feita pela equipe de transição do prefeito tucano foram encontrados esgotos a céu aberto, más condições de higiene, gado sendo abatido no chão sujo e sem a menor proteção, além da carne estar sendo lavada com águia contaminada e os restos mortais dos animados abatidos jogados no leito do rio Capíbaribe.

Veja daqui a pouco: prefeito decreta estado de emergência em Santa Cruz


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Jairon Pacheco

Vergonha mais na foto acima o Prefeito Eleito não estar Bebendo... Parece kkkkk

Anderson Morais

Barbaridade! E o ex-prefeito ainda confirma nos quatros cantos da cidade que sairá vitorioso nas eleições de 2014 como dep. estadual. Espero que o povo de Santa Cruz não tenha memória fraca e lembre-se desse crápula que, junto com os Maias, quase causou o tão falado "fim dos tempos" na nossa cidade

Luiz de Alcantara Andrade

Vamos ver agora se aparece alguem pra trancar esta turma no xadrez e jogar as chaves fora. Um crime destes deve ser punido com rigor, bloqueio de bens e cadeia.

José Nivaldo

ONDE ESTÁ O ZÉ AUGUSTO, QUE ERA TÃO BAJULADO? ONDE ESTÁ TOINHO DO PARÁ, QUE ERA O MELHOR PREFEITO PRA STA.CRUZ? ONDE ESTÁ ERNESTO MAIA QUE TANTO FALOU EM PROCESSOS?, ONDE ESTÃO OS TABOQUINHAS QUE BABAVA ZÉ E OS LADRÕES?