Faculdade de Medicina de Olinda 2

17/10


2019

Prefeito de Angra desmistifica riscos

Presente ao encontro com a comissão parlamentar de Pernambucano nas usinas de Angra, o prefeito do município, Fernando Jordão (MDB), fez um alerta. "Estamos convivendo com duas usinas nucleares em Angra há 44 anos, nunca tivemos um acidente. Temos que acabar com mitos. Se usina nuclear afetasse o meio ambiente não seríamos o maior produtor de sardinha do País, afirmou.

Segundo ele, a população convive em plena harmonia com as usinas, mora perto ao complexo, tem casas de veraneio e até extensão de condomínios", afirmou. Prefeito no terceiro mandato, Fernando disse que as usinas nucleares de Angra mudaram completamente o perfil econômico e social do município.

"Energia nuclear aqui é sinônimo de desenvolvimento e atração turística", disse. Fernando revelou que conheceu Eduardo Campos e que ele veio à Angra para conhecer o sistema nuclear.

Sobre a apreensão da população de Itacuruba, o prefeito de Angra mandou a seguinte mensagem: "Prefeito, se envolva com a comunidade e lute pela usina, porque Angra  gera energia atômica com segurança. Hoje, fornecemos energia para 40% do Estado do Rio. O Nordeste tem carência de energia e precisa desenvolvimento".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Detran

17/10


2019

As razões para usina nuclear em Itacuruba

O presidente da Eletronuclear, Leonam Guimarães, disse, há pouco, que não há nenhuma definição da instalação de uma usina atômica em Itacuruba, no Sertão pernambucano.

"Estamos estudando seis sítios nucleares no Brasil, sendo três no Nordeste – Itacuruba, em Pernambuco, Poço Redondo, em Sergipe, e Penedo, em Alagoas", afirmou. 

Itacuruba, segundo ele, saiu na frente por ter as melhores condições técnicas e interesse governamental, na época sob a responsabilidade do ex-governador Eduardo Campos. Leonam revelou que foi estudada ainda a cidade de Belém do São Francisco, com mais aceitação pela população, segundo pesquisa de opinião na época. 

"Houve muita desinformação que amedrontou a população de Itacuruba, principalmente em relação ao fator saúde e risco de poluição", afirmou. Leonam disse que outro fator que pesa em favor de Itacuruba é sua possível instalação em terras da Chesf.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

13° Bolsa Familia

17/10


2019

Heron Cid integra Conselho na Câmara Federal

Portal Mais PB

O jornalista Heron Cid, presidente da Associação das Mídias Digitais da (AMIDI) e diretor-geral do Portal MaisPB, passou a integrar, ontem, o Conselho Consultivo de Comunicação Social da Câmara dos Deputados. O conselho é presidido pelo deputado federal Damião Feliciano (PDT-PB).

O paraibano foi designado como um dos representantes da sociedade civil juntamente com presidente do Observatório Social do Brasil, Ney da Nóbrega Ribas, e a coordenadora do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação, Renata Vicentini Mielli.

O Conselho foi criado pelo presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), em junho passado, e é composto por cinco parlamentes, entre eles o ex-ministro Orlando Silva (PCdoB-SP), além de dois servidores da Câmara e três representantes da sociedade civil.

O intuito é propor o estabelecimento e a atualização da política de Comunicação da Câmara, opinar, quando provocado por qualquer membro do Conselho, sobre a linha editorial de produção, programação e projetos da Secretaria de Comunicação Social e da Secretaria de Participação e Mídias Digitais, e zelar pelo respeito à diversidade se opiniões e à pluralidade partidária na linha editorial dos veículos de comunicação da Câmara.

Com atuação profissional em todas as mídias há 12 anos, Heron Cid é um dos jornalistas mais conceituados da Paraíba. Além de dirigir o Portal MaisPB, o marizopolense acumula passagens por dois dos grandes sistemas de comunicação do estado: Correio e Arapuan.

Na Correio, foi âncora do radiofônico Correio Debate, apresentador na TV e colunista no jornal impresso da mesma empresa. Recentemente, o jornalista integrou os quadros do Sistema Arapuan de Comunicação, sendo responsável pela criação dos programas 60 minutos, líder de audiência no horário das 18 horas no rádio, e o semanal Frente a Frente, na TV. Ele mediou os principais debates eleitorais da televisão e radiofonia paraibana desde 2012.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Limoeiro

17/10


2019

Quebrando tabus e mentiras

O presidente da Eletronuclear, Leonam Guimarães, faz uma palestra quebrando muitos tabus em relação ao preconceito arraigado na sociedade contra energia nuclear. Ele disse, por exemplo, que já existem usinas no mundo que já dessalinizam a água do mar para consumo e distribuição da população. "Isso mostra que não existe nenhum risco de contaminação do Rio São Francisco como os mais desavisados imaginam", disse.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/10


2019

Presidente da Eletronuclear abre exposição

O presidente da Eletronuclear, Leonam Guimarães, abriu, há pouco, sua explanação sobre o funcionamento das usinas nucleares de Angra 1 e 2, em Angra dos Reis, para a comissão parlamentar de Pernambucano, em visita ao complexo gerador de energia nuclear.

Segundo ele, Angra 1 e 2 têm um faturamento, hoje, de R$ 3,6 bilhões por ano. Toda energia produzida é vendida para várias distribuidoras, tendo no início operado com exclusividade para Furnas. Leonam falou também da cultura de segurança do sistema nuclear, destacando a importância da comunicação e fiscalização por parte da Comissão Nacional de Energia Nuclear, Ibama, Agência Internacional de Energia Atômica e a World Association of Nuclear, com visitas periódicas.

No mundo, segundo ele, existem 449 usinas nucleares em funcionamento. A Slovenia, Estados Unidos e Romênia lideram. A França já gera, hoje, mais de 80% da energia consumida no País. No momento, existem 56 usinas em construção no mundo, estando China na dianteira.

Daqui a pouco, mais informações.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Magno coloca pimenta folha

17/10


2019

Comissão inicia visita a usina nuclear


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

17/10


2019

Miguel abre 32 pontos de vantagem em Petrolina

Na primeira pesquisa do Instituto Opinião sobre a sucessão municipal em Petrolina nas eleições do ano que vem, o prefeito Miguel Coelho, a caminho do MDB, lidera com folga e tem amplas chances de emplacar a reeleição. Abre uma frente de 32 pontos percentuais sobre os seus dois principais adversários. Se a eleição hoje, despontaria com 45,4% das intenções de voto contra 13,3% de Júlio Lossio (PSD) e 13,1% de Odacy Amorim (PT). Gabriel Menezes (PSL) aparece com 6% e Lucas Ramos (PSB), com 4%. Brancos e nulos somam 7,3% e apenas 10,9% se manifestaram indecisos.

Na espontânea, modelo pelo qual o eleitor é obrigado a lembrar o nome do candidato sem o auxílio da cartela com todos os postulantes, Miguel mantém praticamente a mesma dianteira. Desponta com30,2% das intenções de voto contra apenas 3,3% de Odacy Amorim, 2,4% de Lossio e 0,4% de Gabriel. Neste cenário, indecisos sobem para 58,6% e 4,9% disseram que não sabiam responder ou se recusaram.

A pesquisa foi a campo entre os 11,12 e 13 últimos, sendo aplicados 450 questionários com margem de erro de 3,9 pontos para mais ou para menos e 90% de intervalo de confiança. A modalidade de pesquisa adotada envolveu a técnica de Survey, que consiste na aplicação de questionários estruturados e padronizados a uma amostra representativa do universo de investigação.  Foram realizadas entrevistas pessoais e domiciliares.

No quesito rejeição, o ex-prefeito Júlio Lossio aparece na liderança. Dos entrevistados, 22,2% disseram que não votariam nele de jeito nenhum. Em seguida, aparece Odacy com 13,8%, depois Gabriel com 11,6% e Lucas Ramos, 10,4%. Por último, Miguel tem 9,6%. Ainda entre os entrevistados, 5,8% disseram que rejeitam todos e 26,6% afirmaram que não rejeitam nenhum dos candidatos apresentados.

Na estratificação da pesquisa, Miguel tem seus melhores percentuais de intenção de voto entre os eleitores jovens, na faixa etária de 16 a 24 anos (53,3%), entre os eleitores com renda familiar entre dois e cinco salários (48,2%) e entre os eleitores com grau de instrução médio (49,8%). Por sexo, 47,6% dos eleitores masculinos e 43,5% dos eleitores femininos.

Já Lossio apresenta seus melhores índices entre os eleitores com grau de instrução até o 9º ano (17,4%), entre os eleitores com renda familiar até dois salários (14,9%) e entre os eleitores na faixa etária acima de 60 anos (19,3%). Por sexo, 14,3% dos seus eleitores são mulheres e 12,1%, homens.

Odacy Amorim aparece melhor situado entre os eleitores com renda até dois salários (14,9%), entre os eleitores com grau de instrução até o 9º ano (13,7%) e entre os eleitores na faixa etária entre 16 e 24 anos (14,1%). Por sexo, 13,6% são masculinos e 12,7% femininos.

SEGUNDO TURNO

O Opinião testou ainda cenários de segundo turno em Petrolina e neles o prefeito leva vantagem em todos. Frente a Lossio, Miguel venceria por 61,1% dos votos contra 22,7%. Dos entrevistados, 9,3% disseram que anulariam ou votariam em branco e 6,9% se apresentaram indecisos.

Frente ao candidato do PT, Odacy Amorim, Miguel teria 58,3% dos votos contra 27,3%. Dos entrevistados, 8,4% disseram que votariam em branco ou anularia e 6% se apresentaram indecisos. No cenário Miguel contra Lucas, o prefeito ganharia com 67,6% dos votos contra 14,4%. Brancos e nulos somariam 11,1% e 6,9% se apresentaram indecisos. Já se o candidato fosse Gabriel, o prefeito teria 64,4% dos votos contra 18,9%.

AVALIAÇÃO DE GESTÃO

Entre os três níveis de poder, o prefeito é o mais aprovado na avaliação da gestão pública. Entre os entrevistados, 65% aprovam seu governo, sendo 44,4% de bom e 20,7% de ótimo, enquanto 24,2% acham regular, 4,7% julgam ruim e 4,2% péssimo. Já o Governo Paulo Câmara tem 19,3% de bom, 2,7% de ótimo, 31,6% de regular, 11.3% de ruim e 18,7% de péssimo. Dos entrevistados, 16,4% não souberam ou se recusaram a responder,

O presidente Bolsonaro, por sua vez, se apresenta com 42,5% de péssimo, 13,1% de ruim, 23,1% de regular, 10,9% de bom e apenas 6,2% de ótimo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/10


2019

Coluna desta quinta na Folha

Praias limpas só na emergência

Sem fazer referências ao volume de recursos que caberá a cada Estado, o líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB), antecipou, ontem, a decisão do presidente Bolsonaro de liberar recursos para limpeza das praias nordestinas atingidas pela forte e descontrolada descarga de óleo cru de petróleo.

Um detalhe que chamou atenção é que somente será beneficiado o Estado que decretou estado de emergência para enfrentar o drama. Sergipe, um dos mais atingidos, foi um deles. Não vi nenhuma medida nesse sentido anunciada pelo governador Paulo Câmara. O litoral sul e norte do Estado apresenta, igualmente, uma extensa área de praias marcada pela crueldade que não se sabe de que mão assassina partiu.

Navios venezuelanos que cruzaram a costa nordestina são os mais suspeitos, segundo atestam estudos preliminares de universidades. O grande nó está na exibição das provas.

Energia atômica – Seis deputados estaduais visitam, hoje, o complexo de usinas nucleares de Angra dos Reis, no litoral do Rio, sob a coordenação de Alberto Feitosa (SD), autor da PEC que altera na Constituinte estadual o poder de vedar o uso de energia alternativas. Pernambuco e Minas disputam a sede da primeira unidade do projeto de expansão no País de energia atômica.

Tira dúvidas – Caberá ao presidente da Eletronuclear, Leomam dos Santos Guimarães, na função desde que o pernambucano Fernando Filho esteve à frente do Ministério de Minas e Energia, tirar, hoje, todas as dúvidas da comissão parlamentar quanto aos riscos de uma usina nuclear, principalmente em relação ao lixo atômico, maior receio da população de Itacuruba.

Relapso – Não se sabe a razão, mas o deputado João Paulo (PCdoB), relator da PEC de Feitosa que exclui da legislação estadual a vedação da instalação de usina nuclear, farrapou e não justificou sua ausência na visita de hoje ao complexo 1, 2 e 3 de Angra dos Reis. Mesmo não tendo ainda opinião formada, o deputado José Queiroz (PDT) integra a missão ao Rio.

O adeus – Um rio de lágrimas foi derramado, ontem, no leito seco do rio Ipojuca, em Caruaru, nos funerais do empresário Luiz Lacerda, patrono do Central, que partiu aos 94 anos. Pai da ex-deputada Miriam Lacerda e sogro do deputado Tony Gel, “seu” Luiz era unanimidade no País de Caruaru.

Bodocó – Ainda sem partido, o comerciante Klevinho Xavier desponta como o provável fato novo da sucessão em Bodocó. Já foi lançado, inclusive, o movimento “Inova Bodocó” como start da sua candidatura a prefeito. Bacia leiteira importante do Estado, Bodocó não tem tido sorte com gestores.

PUNIDO – O prefeito de Bom Jardim, João Lira (PSD), levou uma baita derrota, ontem, no Tribunal de Contas do Estado, que constatou grave ilegalidade na contratação de 797 servidores pela janela. Foi multado e suas secretárias também responsabilizadas pelo pulo do gato.

Perguntar não ofende: Felipe Carreras segue o exemplo de Tábata e recorre à justiça para deixar o PSB sem perder o mandato?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Bozonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bozonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

Ibope: 78% da população já desaprova governo Bolsonaro.

Fernandes

Bebianno: Essa crise é resultado da inabilidade política do presidente da república.

Fernandes

Tal qual Judas, os eleitores do bolsonaro carregarão essa culpa para sempre!

marcos

Eu não acredito, Gleisi ofereci o PT para o nosso Mito se filiar, é brincadeira!, Agora virou um Cabaré!