Lavareda

18/03


2011

Juízes acusam juízes de fraudes em empréstimos

 Uma investigação conduzida por juízes federais encontrou indícios de que um grupo de magistrados participou de uma fraude que desviou dinheiro de empréstimos concedidos pela Fundação Habitacional do Exército. Documentos da investigação realizada pela associação que representa os envolvidos, obtidos pela Folha de S.Paulo revelam que entre os beneficiários dos empréstimos estão associados fantasmas ou usados como laranjas. Para que fossem fechados os contratos de empréstimos, segundo a investigação feita sob sigilo, foram falsificados documentos num período de cerca de dez anos.

O esquema foi descoberto em 2009, quando um oficial do Exército reconheceu o nome de uma parente entre os beneficiários dos empréstimos e a procurou para saber se ela enfrentava dificuldades financeiras. A juíza não sabia da falsa dívida. Em novembro do ano passado, após a descoberta das fraudes, o então presidente da Ajufer, Moacir Ferreira Ramos, que concorria à reeleição, renunciou ao cargo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Sérgio Ricardo Claudino Patriota

Mas não tem um ditado que diz mais ou menos assim: Juiz que rouba juiz tem 100 anos de perdão? kkkkk


O Jornal do Poder

18/03


2011

Rifado no PMDB, Temporão dá o troco e cai nos braços de Eduardo

 Rifado pelo PMDB na composição do ministério de Dilma Rousseff, o ex-ministro da Saúde José Gomes Temporão decidiu trocar o antigo partido pelo PSB.Ele resolveu se filiar ao partido de Eduardo Campos porque estava sem espaço no inchado PMDB do Rio, informa o blog presidente 40. A filiação atende ao projeto de Campos de encorpar a legenda no Sudeste, onde tem o prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, mas é inexpressivo nos dois maiores Estados. O governador Sérgio Cabral, que apadrinhara sua indicação para o posto no governo Lula, abandonou o ex-ministro à própria sorte e fez campanha aberta por Sérgio Côrtes. Tão aberta, aliás, que acabou por queimar o indicado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

18/03


2011

A bronca da presidente na companheirada

 A coluna cantou a bola em primeira mão: num ato ufanista, sindicatos e movimentos sociais do Rio – entre eles CUT, UNE, MST e outros - organizam protesto contra Obama na Cinelândia para domingo. Não deu outra. A presidente Dilma soube que setores do PT estão nesse grupo e mandou o ministro Luiz Sérgio (Relações Institucionais) e dirigentes do PT carioca debelarem o “motim”.

Até ontem, UNE e CUT tinham cancelado seus atos. Mas PSOL, PSTU e sindicatos ligados aos partidos manterão a programação, com faixas nas ruas.

(Do Informe JB - Leandro Mazzini)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

milton tenorio

Absurdo! A Presidente tem razão..>Obama é um marco na história...O primeiro Presidente negro dos EUA...Merece nosso respeito.

André Rafael

Triste ver a UNE, de tantas luta gloriosas, totalmente subserviente, nem sombra do que já foi no passado.

Wellington Jorge Pires Pereira

Palmatória neles Dilma!!


Banco de Alimentos

18/03


2011

Obama dirá a Dilma o que Lula nunca conseguiu ouvir dele

Durante almoço que homenageou o cardeal arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta, na Academia Brasileira de Letras, o imortal Cândido Mendes, recém-chegado dos Estados Unidos, onde participou da reunião do Grupo de Alto Nível da ONU para a Aliança das Civilizações, garantiu aos acadêmicos que Obama deve comunicar à presidenta Dilma Rousseff  que o Brasil terá, sim, assento permanente no Conselho de Segurança da ONU. Como se sabe, Obama, quando visitou a Índia, defendeu a entrada do país no Conselho.(Do blog Poder Online)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


18/03


2011

Dilma reverte em seu favor opinião de adversários famosos

À medida que passam os dias do governo Dilma, aos poucos vai surgindo nela uma ''habilidade'' da qual não se acreditaria no decorrer da campanha, quando dela foi passada a imagem de no mínimo insípida e incompetente políticamente. Aos poucos ela vai é grangeando elogios até de oposicionistas empedernidos, a exemplo de extenso artigo do famoso jurista Ives Gandra Martins, na Folha de S.Paulo de anteontem, no qual, sustenta, nela não votou, mas reconhece acertos em quase todos os seus atos de governo.

Ontem foi o lídero do PSDB no Senado, que subiu à tribuna para ''''aplaudir'''' a presidente e seu governo. Motivo: ela sancionou o projeto ampliando o Bolsa Atleta, acatando todas as emendas nele feitas por Dias, que foi o relator. O projeto amplia a Bolsa Atleta e altera dispositivos da Lei Pelé.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


18/03


2011

Obama desiste de encarar a multidão e muda local do discurso

 Os organizadores da badalada visita do presidente Barack Obama ao Rio de Janeiro viram o chão desabar aos seus pés, na tarde ontem, quando receberam pedido da comitiva americana para um plano B ao discurso que ele faria a céu aberto na Cinelândia, no domingo.

Isto quer dizer: não vai ter mais discurso a ''céu aberto'', e sim fechado, dentro do Teatro Municipal, para um número infinitamente menor de pessoas.

Motivo: com os últimos acontecimentos no mundo, pode-se tirar mil ilações.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


18/03


2011

Desastre de 200 bilhões de dólares do Japão é o maior do mundo

Com estimativas de danos que já chegam a US$ 200 bilhões (cerca de R$ 334 bi), segundo algumas avaliações, o terremoto e o tsunami que atingiram o Japão na semana passada devem se tornar o desastre natural mais caro da história.Segundo um levantamento feito pelo Centro de Pesquisas de Epidemiologia dos Desastres (Cred), o desastre natural mais custoso até hoje havia sido o terremoto de Kobe, no Japão, em 1995, com um custo estimado em US$ 143 bilhões (R$ 238 bi), em valores atualizados.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


18/03


2011

França diz que pode atacar a Líbia ''''em questão de horas''''

 O ministro das Relações Exteriores da França, Alain Juppé, disse que um eventual ataque à Líbia é “uma questão de dias, quem sabe questão de horas”. Foi com esse discurso que o ministro, que foi especialmente a Nova York, justificou a criação de uma zona de exclusão aérea. ''A cada dia, a cada hora que passa aumenta o peso da responsabilidade sobre nossos ombros. Antes que não seja muito tarde fazer prevalecer na Líbia a lei sobre a força, a democracia sobre a ditadura e a liberdade sobre a opressão.''

Juppé disse ainda que a França “está pronta” para essa “operação conjunta” sob o comando da ONU, sustentando que a França pode executar uma ação militar nas próximas horas. O ministro francês salientou que não se “trata de ocupar” o país, mas conter o regime de Muammar Gaddafi.(R7)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

milton tenorio

Lá vem os gringos se meterem nas terras alheias....Não aprendem nunca.... Interferir em outras nações, sou contra....

Sérgio Ricardo Claudino Patriota

Tráta se de um homem que nos faz lembrar de Saddan como um anjinho de asas e tudo, o ideal seria não deixar ele usufluir de tudo que roubou do povo líbio as custas de verdadeiros genocídios!

uilma

Ui kadaffi, ou cadaver?kkkkkkk



17/03


2011

Ronaldo Caiado: “O mensaleiro Arruda mente para se vingar”

 O deputado federal Ronaldo Caiado também postou no blog dele nota em que diz que Arruda mente para se vingar. Diz o parlamentar:

As declarações do mensaleiro José Roberto Arruda à Veja Online são mentirosas. Estive reunido no Palácio de Águas Claras com Arruda quando ele era governador do DF, em 2009, junto com no mínimo 15 pessoas ligadas ao setor de transporte responsável pelo serviço nas cidades do Entorno e do DF.


Foi logo após manifestantes incendiarem um veículo. Arruda, diante do cenário na região, alimentado por seu espírito de gângster, mais uma vez viu a oportunidade de lucrar com o dinheiro público e por tabela estender seus tentáculo sobre Goiás. Arruda, o mensaleiro, queria ter o controle sobre as linhas de transporte que faziam a rota entre as cidades do Entorno e o Distrito Federal. Pela legislação, essas linhas são tuteladas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). 
 

A intenção de Arruda era monopolizar o transporte e utilizá-lo por interesse político-eleitoral em 2010. Como deputado federal goiano, percebi a jogada de má fé e fui a essa reunião, que jamais foi a portas fechadas. Como já descrevi, contou com a participação de mais de 15 pessoas. Alertei o Governo de Goiás à época.

Tanto é que nada aconteceu, continuou tudo como antes. Goiás não cedeu e o controle permaneceu com a ANTT. Tenho a consciência tranquila porque ajudei a tirar esse bandido da vida pública. Farei um requerimento junto à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal para que divulguem qualquer fato, se houver, com o meu nome. Arruda dá declarações que não merecem crédito.

Não é coincidência Arruda criar mentiras sobre todos os líderes que tiveram coragem de baní-lo do DEM. Sequer apresenta prova. Ele apenas quer prejudicar e se vingar de quem não seguiu o caminho de corrupção trilhado por ele.
 

Ronaldo Caiado
Vice-presidente do Democratas


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/03


2011

ACM Neto: “ Arruda destila ódio”

 O deputado federal ACM Neto (DEM) manifestou no site pessoal uma nota contra as declarações do ex-governador José Roberto Arruda à Veja Online.

Diz ele: As declarações do ex-governador José Roberto Arruda à Veja, afirmando que obteve doações financeiras para a minha candidatura a prefeito de Salvador, em 2008, não passam de mentiras de alguém que, comprovadamente, foi flagrado em ato corrupção.

Ele sequer apresentou indícios ou provas. Arruda guarda ódio e rancor por quem ajudou a expulsá-lo do DEM, por não compactuar com o mensalão patrocinado por ele. O ex-governador Arruda nunca contribuiu direta ou indiretamente com a minha campanha. Encaminharei requerimentos à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal para que a minha prestação de contas na disputa pela Prefeitura de Salvador seja, mais uma vez, examinada.

Solicitarei também que se houver qualquer informação com o meu nome, que ela seja apresentada à imprensa ou a quem se interessar. Arruda não tem qualquer moral para receber uma resposta minha, mas a faço em respeito ao cidadão brasileiro, que foi agredido por ele nos últimos tempos. As minhas contas foram aprovadas em todas as instâncias da Justiça Eleitoral porque sempre agi dentro de princípios éticos e morais, ao contrário de José Roberto Arruda, um dos chefes do esquema de corrupção que envergonhou brasilienses e brasileiros, finaliza ACM Neto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/03


2011

PSOL quer explicações de Arruda feitas à Veja Online

O senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) disse que o PSOL vai pedir a convocação do ex-governador José Roberto Arruda no Conselho de Ética da Câmara e pedir para a Mesa Diretora do Senado que faça o mesmo em relação ao Conselho de Ética da Casa, informa o Globo.

” Queremos que o Arruda apresente o material que tem para sustentar o que disse. Esperamos ainda que o DEM apresente um desmentido consistente”, disse o senador do PSOL.

O regimento do Conselho da Câmara, no entanto, não permite a convocação de testemunhas, apenas convite para que elas compareçam à audiência. Ou seja, apenas se quiser, Arruda comparecerá para dar o depoimento.

Em entrevista à Veja Online, o ex-governador José Roberto Arruda, expulso do DEM no auge do escândalo do mensalão no governo do Distrito Federal decidiu nomear e envolver vários políticos no esquema de captação de recursos junto a empresários - supostamente ilegal - para financiar suas campanhas. Na entrevista Arruda afirmou que que ajudou não só políticos do DEM - como o novo presidente da legenda, senador José Agripino Maia (RN) -, mas também integrantes do PSDB e de outros partidos, como o senador Cristovam Buarque (PDT-DF).

Com o discurso de que não fez nada além do que é feito por toda classe política na captação de recursos para campanhas eleitorais, Arruda sugere na entrevista que o dinheiro era ilegal, mas que é assim que se faz campanha no Brasil.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha