Faculdade de Medicina de Olinda 2

03/07


2013

Agricultores de Santa Cruz recebem benefício do Terra Pronta
















Os pequenos agricultores das comunidades rurais de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste do Estado, estão sendo beneficiados pelo Programa Terra Pronta, que promove a distribuição de sementes e o preparo da terra para o plantio.

O programa, de autoria do Governo do Estado e que atua em convênio com o Instituto Agronômico de Pernambuco, Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural e Sustentável e a Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe, distribuirá quatro mil toneladas de sementes de milho e uma tonelada e meia de feijão aos agricultores santa-cruzenses.

De acordo com o secretário-executivo de Agricultura, Lenildo Araújo, ficou decidido em reuniões que a distribuição das sementes seria feita através das associações e das subprefeituras, uma vez que “elas conhecem a realidade da zona rural e as famílias que poderão participar do programa”.

“O Programa Terra Pronta de 2013 atingirá aproximadamente 200 famílias do município. Contou com um acréscimo de uma tonelada de sementes e um aumento de horas-máquina que facilitará a vida do agricultor”, pontuou Silvio José, técnico em Agropecuária do IPA.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Abreu e Lima

03/07


2013

Fernando Bezerra vistoria obras em Salgueiro e Jati
















O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho (PSB), vistoria amanhã (4) dois trechos de obras do Projeto de Integração do Rio São Francisco. As vistorias técnicas serão realizadas em etapas do Eixo Norte, que passam pelos municípios de Jati, no Ceará, e Salgueiro, em Pernambuco. Além de fiscalizar as atividades, o ministro também vai se reunir com representantes das empresas construtoras e supervisoras nos canteiros de obras.

Em Jati, as frentes de serviço atuam 24 horas por dia e contam com 625 trabalhadores. Esse trecho do projeto inclui a construção de seis novos reservatórios e a ampliação do açude Atalho. Atualmente, as atividades estão concentradas na construção de duas barragens (Jati e Porcos) e na escavação de canal, que ligará o açude Atalho à barragem Jati.

Após a vistoria no Ceará, Fernando Bezerra seguirá para Salgueiro. Neste trecho, 2,7 mil trabalhadores atuam na construção de canais, aquedutos, estações de bombeamento e barragens. Com trabalhos 24 horas por dia, a Meta 1N está localizada entre as cidades de Salgueiro, Cabrobó e Verdejante, e em Penaforte, no Ceará.

O Projeto de Integração do Rio São Francisco está em pleno andamento e mais de 5,5 mil pessoas compõem a força de trabalho. Quando concluído, o empreendimento vai garantir a segurança hídrica de mais de 12 milhões de pessoas em 390 cidades de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Carlos Odair da Luz Sá

Esquenta não Fernandão, tu vai ser governador do mesmo jeito...

Carlos Odair da Luz Sá

Esquenta não Fernandão, tu vai ser governador do mesmo jeito...

JANDILSON DE ALBUQUERQUE CORDEIRO

Sr.FBC,o Sr. é muito cara de pau, porque o Sr. não fala que a TRANORDESTINA ESTA PARADA por D.DILMA mandou 1.bilhão de rais, isso mesmo 1 bilhão de reais para o SUDÃO fazer uma FERROVIA LA. ou eu estou mentindo, acesso a jornalista "ana amelia que o sr. vai ver a reportagem toda,

JORGE GUERREIRO

PERGUNTAR NÃO OFENDE: Como é que estão as OBRAS da TRANSPOSIÇÃO do SÃO FRANCISCO???

José Pereira da Silva

Se essa moda de usar jatinho pegar, então a manchete seria: FERNANDO BEZERRA VISTORIA OBRAS EM SALGUEIRO DE JATINHO. hahahahahaha


Prefeitura de Paulista

03/07


2013

Dilma precisa ser "internada em hospital mental", diz deputado

















O deputado Fernando Hugo (PSDB) fez duras críticas à presidente Dilma Rousseff (PT) durante sessão desta quarta-feira (3), na Assembleia Legislativa do Ceará. Segundo ele, a presidente não tem capacidade para governar o Brasil e “precisa ser internada em um hospital mental”.

O tucano criticou ainda a equipe que compõe o Palácio do Planalto “Ela [a presidente Dilma Rousseff] não tem uma assessoria que preste”, disse o parlamentar.

Para ilustrar seu discurso, Fernando Hugo citou o fato de Dilma ter consultado seu marqueteiro político, João Santana, antes de ir a público falar sobre as manifestações que têm ocorrido pelo país.

Além disso, o deputado apresentou proposta para que a ALCE envie nota de repúdio ao ministro Alexandre Padilha (Saúde), isso porque o parlamentar se diz contrário à proposta de trazer médicos do exterior para trabalharem no Brasil, apresentada pelo Governo Federal como uma das formas de melhorar o atendimento nos postos e hospitais.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

marcos

FORA DILMA!

JOSE PINTO DA SILVA

essedeputado esta com cara de cachoro doido coitado e um tucaninho cabeça chata e que cabeça em.

romildo s. barros

cale a boca patife quem e tu pra falar mal de dilma

JORGE GUERREIRO

NUNCA ouvi falar desse tal FERNANDO HUGO, mas que há DILMA está uma PORRA LOUCA tá. Avante BRASIL!!!

weltgeist da silva

Impressionante como um indigitado como esse abre a cloaca, diz uma idiotice e essa idiotice vira manchete. Será o blog do NOBLAT daria palco a essa palhaçada? Qualidade!!!


Prefeitura de Serra Talhada

03/07


2013

Rodoviário detido em protesto no Recife é liberado

Em protesto contra a determinação do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) de suspender a greve e dar 7% de reajuste salarial aos rodoviários, motoristas de ônibus da Região Metropolitana do Recife param os veículos nas principais vias e terminais integrados da capital pernambucana. Um dos profissionais que iriam participar da manifestação nesta terça-feira (2) foi detido pela Polícia Militar na Avenida Conde da Boa Vista, no Centro, logo após parar o ônibus.

Clébio Teles, 35, conduzia um veículo da linha Circular/Rua do Sol pela avenida quando, ao passar pelas proximidades do bloqueio da Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), integrantes do Movimento Rodoviário de Verdade pediram que ele estacionasse o ônibus no local e pedisse para os passageiros descerem.

O rodoviário foi abordado pelo Batalhão de Choque, que o algemou e levou à Delegacia de Santo Amaro, onde assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) acusado de agitação da ordem publica.

O advogado Rafael Baltar, que representa o Movimento Rodoviário de Verdade, afirmou que a ação policial fere os direitos humanos. "Isso não é motivo de polícia, é uma briga entre trabalhador e empregador", disse na delegacia. Para o advogado, o motorista não deveria ter sido algemado pela PM, pois estava fardado e trabalhando, e disse que pretende fazer uma denúncia ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e ao setor de direitos humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Com informações do NE10.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

Falei para o JOÃO.

JORGE GUERREIRO

Quando o ALIBA LULA, vivia com suas ondas de PROTESTOS, ninguém falava NADA. Vão pra P.Q.P. Avante BRASIL!!!

o povo da de olho

QUE VERGONHA PARA O ESTADO NEM PROTESTAR SE PODE É O CACHORRO AMARRADO E PAU CANTANDO. SOCORRO.....

joao carlos da silva

Quem deveria ser preso imediatamente é essa falsa liderança que não tem legitimidade para representar a categoria. O povo paga a passagem e é obrigado a descer no meio do caminho, isso está certo? Primeiro vençam a eleição no sindicato e voltem.



03/07


2013

Menos de 4% dos municípios do país têm plano de transporte













O serviço de transporte coletivo deve ser prestado e organizado pelo município, conforme prevê a Constituição Federal, e operado sob a forma de concessão, permissão ou diretamente. De acordo com os dados da Pesquisa de Informações Básicas Municipais (Munic) divulgada nesta quarta-feira (3) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 25,7% das prefeituras não têm estrutura organizacional para tratar do tema.

Dos 4.133 municípios com estrutura, 19,4% tinham secretaria exclusiva, 25,7% trabalhavam com secretaria conjunta, 40,7% administravam setor subordinado a outra secretaria e 12,4% coordenavam setor subordinado à administração direta. Os demais municípios (1,8% do total) tinham estruturas ligadas à administração indireta.

O Conselho Municipal de Transportes, com representação da sociedade civil na gestão do tema, tinha sido instituído em apenas 6,4% das prefeituras. Somente 3,8% tinham feito o Plano Municipal de Transportes. Outros 7,7% estavam elaborando o plano e 55,3% dos municípios com mais de 500 mil habitantes já tinham o documento em fase final de elaboração.

Enquanto apenas 0,3% dos municípios tinham sistema de metrô no ano passado e 2,5% de trem urbano, a van estava presente em 67,7% das cidades, chegando a 90,7% na Região Nordeste. O mototáxi é utilizado em 55,3%, chegando a 83,7% na Região Norte, localidade onde o transporte por barco está presente em 55,2% dos municípios, quando a média nacional é de 11,5%.

Os ônibus municipais são utilizados em 38% das cidades, subindo para 100% nas que têm mais de 500 mil habitantes, e os intermunicipais chegam a 85,8%. O serviço de táxi está disponível em 83,5% dos municípios brasileiros.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Limoeiro

03/07


2013

Câmara decide alterar texto que torna corrupção crime hediondo


















Após afirmar a necessidade de aprovar-se o projeto que torna a corrupção crime hediondo, a Câmara dos Deputados decidiu alterar o texto votado no Senado Federal. Os parlamentares querem ampliar os efeitos do tema e, com isso, especificar melhor os casos incluídos na regra. Contudo, a decisão pode atrasar a tramitação da proposta, que também extingue benefícios de condenados por corrupção, como a liberdade provisória mediante pagamento de fiança.

O texto aprovado pelos senadores na última quarta-feira (26) aumenta a pena mínima de dois para quatro anos de cadeia para quem agir ilegalmente contra a administração pública, incluindo a corrupção ativa e passiva, o peculato, a concussão e o excesso de exação (espécie de cobrança de propina).

O esforço dos deputados é para aprovar um texto enviado pelo Poder Executivo na gestão do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que especifica os agentes públicos que estariam sujeitos a essa punição.

“Temos de avançar: não é crime hediondo apenas para quem cometer algum delito na área pública. Tem de ser uma norma geral, que valha para políticos, deputados, senadores, servidores públicos, membros do Ministério Público, juízes, enfim, para todos”, explica o líder do PT, José Guimarães (CE).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

maria bet

Hoje a reinvidicação é na maioria pacifica, vocês bando de incompetente vão provocar o povo a revolta. Sejam agil nas decisões que o povo pede, pois não aguentamos mais essas falcatuas de vocês. O POVO VAI À RUA.

o povo da de olho

que moral esse josé guimar~es tem?

José Pereira da Silva

É a coisa tá feia mesmo... Este rapaz líder do PT, que hoje tá dando lição de honestidade, não é o mesmo cujo assessor, foi flagrado com a cueca recheada de dólares.

JORGE GUERREIRO

TODOS no modo GERAL, sem distinção, porque LUGAR de CORRUPTO é na CADEIA. Avante BRASIL!!!


Capacitação de Candidatos

03/07


2013

Dilma diz que bloqueios de rodovias ferem a ordem do país













A presidente Dilma Rosseff (PT) disse nesta quarta-feira (3) que as interrupções de rodovias federais por caminhoneiros nos últimos dias ferem a ordem do país. Segundo ela, o Governo Federal não concorda com qualquer processo que provoque turbulência nas atividades produtivas do país e na vida da população.

“Meu governo não ficará quieto durante o processo de interrupção de rodovias. Ordem significa democracia, respeito às condições da produção e de circulação da população. Não tenham dúvidas que o governo não negocia isso, não concordamos com processos que levem a qualquer turbulência nas atividades produtivas e na vida das pessoas”, disse.

Dilma discursou na cerimônia de assinatura do primeiro anúncio público de terminais de uso privado, no Palácio do Planalto. Durante o evento, a presidente anunciou a primeira lista dos 50 portos privados que poderão ser abertos no país, com aporte de R$ 11 bilhões em investimentos particulares.

A presidente mencionou a expressão “Ordem e Progresso” para dizer que ordem significa democracia e disse haver diferença entre bloqueios de caminhoneiros e das manifestações feitas pela população nas ruas das cidades nos últimos dias. “Uma coisa são manifestações pacíficas que muito engrandecem o país, outra muito diferente é acreditar que o país possa viver sem normalidade e estabilidade.”


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

DILMINHA, cuidado querida, o Presidente do EGITO acabou de CAIR. hehehehehehe... Avante BRASIL!!!

Jovelina Maria de Brito

Fere a ordem do país o presidente da câmara, o corrupto Alves, pegar avião da FAB, colocar amásia e corriola, num fim de semana e ir esporrar-se em farras no Rio, assistir final de copa e tudo pago com o dinheiro de nossos impostos. Isso sim fere a ordem, a ética,a honra, o decoro. Envergonha o país

romildo s. barros

nao sou politico nem tenho cargo comissionado, ja estar virando bagunça essas paralisaçoes

o povo da de olho

kkkkkkkkkkk faz-me rir kkkkkkkkk


Magno coloca pimenta folha

03/07


2013

Bahia: Geddel reafirma oposição ao PT















Secretário nacional do PMDB e presidente da legenda na Bahia, Geddel Vieira Lima explicou os principais pontos discutidos em uma reunião da executiva nacional do partido, destinada a debater e avaliar o atual momento político do país e o posicionamento do grupo às vésperas das eleições de 2014.

“O partido debateu questões como voto obrigatório, eleição direta, reforma política e eu defendi que se explicasse o que é reforma política e eleitoral. Está se discutindo reforma política e se falando na verdade de reforma eleitoral. Fim do voto secreto no parlamento faz parte de reforma política ou eleitoral?”, questionou.

Geddel também garantiu que está disposto a dialogar com os partidos que hoje fazem oposição ao governador Jaques Wagner (PT) e trabalhar pela união das oposições, mesmo que isso possa lhe custar a candidatura. “Defendo a unidade das oposições na construção de um projeto político-administrativo diferente deste que está aí. Se eu tiver capacidade de unir esse grupo eu serei candidato, se não, eu terei humildade para apoiar aquele que tiver condições de abraçar esse novo modelo mais voltado para mais resultados e menos políticas.”

Por fim, o peemedebista garantiu que mesmo que o diretório nacional continue a apoiar o Partido dos Trabalhadores, ele continua na oposição aos governos de Dilma Rousseff e Jacques Wagner.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Sérgio de Castro Marques Jr

O que Dilma está esperando para exonerar esse sr. da CAIXA? Alguma dúvida de que ele está pedindo pra sair?

JANDILSON DE ALBUQUERQUE CORDEIRO

Esse Deputadinho, ´a vergonha da bahia, quem der mais a ele, ele se vende, foi assim em todos os lugares que passou. 2014 vem ai

JORGE GUERREIRO

DILMINHA, cuidado querida, o Presidente do EGITO acabou de CAIR. hehehehehehe... Avante BRASIL!!!

romildo s. barros

esse e um politico ultrapassado nao vai a lugar nenhum

ney durval dos santos

Esse ja foi muito favorecido pelos os governos do PT com o LULA e a DILMA.


Banner de Arcoverde

03/07


2013

Alves admite erro e diz que vai pagar por viagem da família















O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), afirmou nesta quarta-feira (3) que errou ao permitir que sete parentes pegassem carona em um avião da Força Aérea Brasileira para assistir ao jogo da seleção brasileira no Maracanã, no último fim de semana. O peemedebista disse que determinou que sua assessoria avalie o mais rápido possível o valor das passagens do Rio Grande do Norte ao Rio de Janeiro para reembolsar à União.

"Meu erro, e aqui eu reconheço, foi ter permitido que pessoas me acompanhassem pegando carona nesse voo para o Rio de Janeiro. Por esse erro, estou aqui reconhecendo e já mandei ressarcir o valor de cada passagem correspondente", disse ao chegar no Congresso Nacional.

Alves negou que estivesse em uma agenda de turismo no Rio de Janeiro. Segundo o deputado, ele foi recebido pelo prefeito da cidade, Eduardo Paes (PMDB), em sua residência oficial, para discutir o cenário político do país. A reunião, no entanto, não foi divulgada na agenda oficial dos dois políticos.

De acordo com reportagem publicada pela Folha de S.Paulo, um jato C-99 da FAB foi buscar a turma em Natal, terra do deputado. Decolou às 19h30 de sexta-feira rumo ao Rio de Janeiro e retornou no domingo, às 23h, após o jogo.

O decreto 4244/2002, que disciplina o uso de aviões da FAB por autoridades, diz que os jatos podem ser requisitados quando houver "motivo de segurança e emergência médica, em viagens a serviço e deslocamentos para o local de residência permanente". O decreto não diz quem pode ou não viajar acompanhando as autoridades.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

S. C. B. M.

Canalha para este indecente mentiroso é elogio.

Ewerton Cabral

Devem sair hoje os beijaços de Fernandinha e Fernandona, não é ? O país, que tem umas artistas engajadas dste quilate, aguarda ansiosamente reações indignadas. E se não rolar ? Ora, é porque Marcos Feliciano é, só ele, a besta fera. Um capacho de Dilma, como este Henrique Alves, não é problema.

Quero Ver

não é só pagar: isso é crieme de peculato de desvio, com pena de multa e reclusão de até 12 meses.

JANDILSON DE ALBUQUERQUE CORDEIRO

isso ai é que é VANDALISMO, esse patife, já responde processo, parece que é 8, mas não dar em nada, vamos pra ruas, vamos pra cima deles sem piedade, se quebrar o patrimônio do cidadão sofrido.

Emiliano Roberto de Lima Junior

Acabei de ouvir o Editorial de Magno Martins. Concordo plenamente. Esse Dep. Eduardo Alves é um cara de pau. Vai devolver o dinheiro ao Erário e ainda usa um servidor público para ir ao banco efetuar o depósito das passagens. Vamos pedir o impeachment desse imbecil. Canalhice pura!