Congresso Nordestino de Educação Médica

23/06


2019

BNDES: Guedes instrui Montezano sobre "caixa-preta"

Guedes instrui novo presidente do BNDES sobre abertura da caixa-preta.

Foto: Leo Pinheiro | Valor

O Globo - Por Lauro Jardim

 

Gustavo Montezano, o novo presidente do BNDES, já foi instruído por Paulo Guedes sobre como agir para abrir o tema caixa-preta, caríssimo a Jair Bolsonaro.

Basta que ele deixe claro, seja por meio de uma entrevista ou por nota oficial do banco, que os empréstimos dados a Cuba e Venezuela foram péssimos negócios e que os financiamentos à Odebrecht, JBS e outras empresas envolvidas em escândalos foram dados por imposição política dos governos petistas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Governo de PE

23/06


2019

Governo anunciará redução do preço do gás natural

O plano de Paulo Guedes para reduzir preço do gás natural.

Foto: Leo Pinheiro | Valor

O Globo - Por Gabriel Mascarenhas 

 

O governo está planejando fazer uma megacerimônia no Palácio do Planalto entre o final deste mês e o início de julho para anunciar o plano de redução do preço do gás natural, elaborado por Paulo Guedes. 

A ideia é reunir a indústria inteira para bater bumbo em torno da principal pauta positiva apresentada pela equipe econômica até agora, depois da reforma da previdência, claro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Caruaru

23/06


2019

Saneamento: apenas 85 municípios cumprem requisitos

Brasil

Por que apenas 85 municípios cumprem bem requisistos de saneamento. Ranking mostra que quanto mais distante do eixo Sul-Sudeste, piores são as condições.

Foto: Marcos Alves / Agência O Globo

Época - Por Matheus Rocha

 

Em Porto Velho, capital de Rondônia, na região norte do país, apenas 4,5% do esgoto é coletado. Menos ainda é tratado: 3,2%. Além disso, dos resídulos sólidos coletados, somente 0,2% tem a destinação adequada.

Não à toa, a capital é a pior do país quando o assunto é saneamento básico. A realidade é bem diferente no outro extremo do país. 

Em Curitiba, no Paraná, 100% do esgoto é coletado e tratado e todos os resídulos sólidos coletados vão para o destino correto.

A universalização do acesso ao saneamento básico, no entanto, é exceção: apenas 85 dos municípios brasileiros cumprem todos os indicadores de saneamento. Na prática, quanto mais longe do eixo Sul-Sudeste, maior a chance de se encontrar cidades com a realidade de Porto Velho. [...] Confira a íntegra aqui: Por que apenas 85 municípios cumprem bem requisitos de saneame

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

São João Petrolina

23/06


2019

Governo vai anunciar novo Mais Médicos

Como será o novo Mais Médicos. Luiz Henrique Mandetta está fechando o esqueleto do que será o novo Mais Médicos.

Marcos Corrêa | Presidência da República

O Globo - Por Gabriel Mascarenhas

 

Os profissionais deixarão a condição de bolsistas para serem regidos pela CLT. A remuneração, hoje de R$ 11,8 mil, vai aumentar e variar de acordo com a região. Quanto mais remoto o posto, melhor será o salário.

Mandetta planeja oferecer R$ 15 mil por mês aos selecionados, podendo superar os R$ 20 mil, a depender da localidade.

Estima-se que as mudanças jogarão o custo do programa dos atuais R$ 2,5 bilhões por ano para perto de R$ 4 bilhões.

O projeto, como tudo no governo, será submetido ao escrutínio de Jair Bolsonaro e à tesoura de Paulo Gudes antes de ir para o Congresso.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/06


2019

Snowden já alertava sobre as falhas do Telegram

Em 2017, Snowden já alertava para as falhas de segurança do Telegram.  O ex-funcionário da NSA é grande incentivador de outro aplicativo de mensagens: o Signal.

Aplicativo de mensagens Telegram já promoveu desafios Foto: DADO RUVIC / Reuters

Época 

 

O vazamento de mensagens trocadas no Telegram pela força-tarefa da Lava Jato colocou em xeque uma das principais bandeiras do aplicativo: a ideia de que ele seria mais seguro que o Whatsapp. 

Dois anos antes, no entanto, a segurança do aplicativo já havia sido questionado por Edward Snowden. Ex-funcionário da Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em inglês) americana e responsável por revelar o esquema de espionagem capitaneado pelos EUA, Snowden escreveu em 2017 uma série de tuítes expondo pontos que tornavam o Telegram pouco seguro. [...] Confora a íntegra da matéria clicando aqui: Em 2017Snowden já alertava para as falhas de segurança do ...

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/06


2019

Dodge: análise de Eduardo e as críticas de Fachin

O que tem dito Eduardo Bolsonaro sobre Raquel Dodge. Enquanto isso, as críticas de Fachin a Raquel Dodge.

Jorge William | Agência O Globo                                                                                       Ailton de Freitas | Agência O Globo

O Globo - Por Gabriel Vasconcelos

 

Eduardo Bolsonaro tem dito a interlocutores que são visíveis os gestos de aproximação feitos por Raquel Dodge à sua família.

Seja com uma presença mais constante em eventos onde há representantes do clã, seja exibindo uma simpatia que até outro dia não existia.

Enquanto  isso, interlocutores próximos Edson Fachin faz críticas veementes à (não) atuação de Raquel Dodge: queixa-se frequentemente de que os processos não andam nas mãos dela.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Asfaltos

23/06


2019

A preocupação do presidente Bolsonaro com o Enem

A fixação de Bolsonaro com o Enem. Novo presidente do Inep recebeu advertência.

Época - Por Guilherme Amado

 

A nova presidência do Inep já foi advertida: Jair Bolsonaro não quer que o Enem 2019 tenha alguma questão que, na visão dele, tenha tintas esquerdistas.

Os técnicos do Inep agora só não sabem como evitar isso: algumas coisas que para Bolsonaro são esquerdismos — os direitos humanos, por exemplo — já estão contemplados nos livros escolares há décadas.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/06


2019

Chinês é eleito novo diretor-geral da FAO

Qu Dongyu, vice-ministro de Agricultura da China, venceu as eleições para dirigir a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura. Qu Dongyu assume o posto que era de José Graziano desde 2012. Em discurso, ele disse que prioridade será o combate à fome em regiões pobres.  Qu deve assumir como diretor-geral em 1 de agosto.


O chinês Qu Dongyu, é cumprimentado peplo brasileiro José Graziano, que comanda a entidade até agosto — Foto: Vincenzo Pinto/ AFP

Do G1 - Por Agência EFE

 

O vice-ministro de Agricultura da China, Qu Dongyu, venceu neste domingo (23) as eleições para dirigir a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) pelos próximos quatro anos.

O chinês venceu os candidatos da França e da Geórgia ao obter no primeiro turno 108 votos entre os 191 países participantes.
Qu, que substitui o brasileiro José Graziano da Silva no cargo, deve assumir como diretor-geral em 1 de agosto.
A candidata francesa e da União Europeia Catherine Geslain-Lanéelle ficou longe da maioria após receber 71 votos, enquanto o ex-ministro georgiano de Agricultura Davit Kirvalidze obteve 12.

Chinês tem como projeto erradicar a fome em regiões pobres

"Quero agradecer à minha pátria depois destes 40 anos de reformas bem-sucedidas e política aberta", disse o representante chinês em suas primeiras palavras após ganhar a eleição, na qual só houve uma abstenção.

Durante a campanha, Qu propôs se concentrar na erradicação da fome nas regiões pobres, modernizar a agricultura nas zonas tropicais e secas, promover a digitalização e inovar os modelos de cooperação.

Com a eleição de Qu, Pequim reforça assim sua posição no sistema das Nações Unidas em um momento de disputa comercial com os Estados Unidos e com projetos como o da Nova Rota da Seda, que inclui grandes investimentos em terceiros países.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

BM4 Marketing

23/06


2019

Votos a favor da Previdência segundo o Planalto

Saiba quantos votos a favor da Previdência o Planalto acha que já tem.

Ailton de Freitas | Agência O Globo
O Globo - Por Lauro Jardim

 

Pelas contas do Planalto, o projeto de reforma da Previdência já teria, segundo dados do monitoramento que é feito online, 318 votos favoráveis na Câmara — dez a mais do que o necessário para passar.

O levantamento detectou também 60 em situação de neutralidade, 98 decididamente contra e 37 parcialmente contra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores