Prefeitura do cabo

16/08


2019

Deputado tenta evitar perdas de recursos da Educação

O deputado federal Túlio Gadêlha (PDT-PE) protocolou, hoje, quatro emendas ao projeto de Lei de Crédito Suplementar e Especial (PLN) 18/2019. O objetivo do pedetista é reverter o remanejamento de recursos dos Ministérios da Educação e do programa de Fiscalização para Erradicação do Trabalho Escravo para a pasta da Defesa.

O pedetista quer evitar que cerca de R$ 10 milhões que seriam destinados à Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), à Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e ao Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), além de R$ 459 mil de um programa de erradicação do trabalho escravo, alocado na pasta de Economia, sejam transferidos para a construção de um submarino de propulsão nuclear.

“Este governo tem um projeto explícito de sucateamento da educação pública e de precarização do trabalho, sob o argumento de modernidade. É imoral tirar recursos de áreas estratégicas para o desenvolvimento social e econômico do país para colocar na construção de um submarino”, critica Gadêlha.

Segundo o pedetista, instituições e programas, já prejudicados por falta de verbas, correm o risco de interromper o funcionamento pela escassez destes recursos. “A manutenção deste recurso é de fundamental importância para o funcionamento das universidades e institutos federais de Pernambuco, além da fiscalização de obrigações trabalhistas e as inspeções em segurança e saúde no trabalho”, declara.

O governo encaminhou ao Congresso Nacional, na última semana, um projeto de lei para remanejar R$ 3 bilhões. A ideia é tirar verbas contingenciadas de uma pasta para cobrir despesas de outra. A pasta mais afetada será a da Educação, que perderá cerca de R$ 1 bilhão, prejudicando as universidades e os institutos federais. O PLN será apreciado na Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização do Congresso Nacional.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Governo de PE

16/08


2019

Alepe abre exposição sobre Joaquim Nabuco

A Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) abre, na próxima segunda-feira, às 19 horas, a exposição “Nabuco de volta para casa”. Nela, o público conhecerá parte do acervo pessoal inédito do abolicionista, como um diário de Nabuco datado de 1888, ano da abolição da escravatura no Brasil.

Uma sessão solene em comemoração aos 70 anos da Fundaj e aos 170 anos de Nabuco antecederá a exposição. O evento é uma iniciativa do presidente da Alepe, Eriberto Medeiros, e acontece às 18 horas no auditório Sérgio Guerra.

“Temos a compreensão da importância de fazer um resgate da nossa história e Joaquim Nabuco, sem dúvida, tem muito a nos dizer nos dias de hoje como grande homem público que foi para o Brasil. Sua história dialoga com as mudanças da sociedade daquela época e o que queremos é que a Assembleia se comunique com a sociedade, seja através do seu presente como ação, ou do seu passado como inspiração”, destaca Eriberto Medeiros.

A exposição “Nabuco de volta para casa” será instalada no Anexo II da Alepe. O acervo trará a história de Nabuco e seus ideais, celebrando assim a educação por meio do conhecimento. A exposição contará com uma linha do tempo em pequenos textos e fotos do abolicionista, além de painéis ilustrativos. Haverá ainda um bloco com pensamentos de Nabuco ao longo de sua trajetória, além de vitrines com correspondências, cartões postais, diários e manuscritos inéditos.

“Homenagear Joaquim Nabuco, patrono da Fundaj e da Assembleia, no ano em que a Casa comemora sete décadas e o abolicionista 170 anos, é celebrar a educação. Sem educação, a sociedade não avança. O conhecimento é a abolição deste século”, ressaltou o presidente da Fundaj, Antônio Campos.

A Alepe foi uma das casas de Joaquim Nabuco quando ele atuou como político. Em 1887, o abolicionista, diplomata, escritor e jornalista foi eleito deputado, vindo a ser o patrono do Poder Legislativo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Detran

16/08


2019

Detran conscientiza motociclistas sobre perigo do cerol

Dando continuidade na Operação Prevenção “Segundos que salvam vidas”, o Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, em parceria com a Secretaria de Saúde e a Moto Cruz, realizaram uma ação, hoje, na Av. Agamenon Magalhães, em baixo do viaduto da Av. Norte, que teve como objetivo chamar atenção dos motociclistas sobre os perigo e cuidados que os condutores de moto deverão ter em relação as linhas com cerol e chilena.

A Lei nº 11.931/PE, que proíbe o uso do Cerol (mistura de cola e pedaços de vidro) nas linhas de pipas, foi sancionada em janeiro de 2001, há 18 anos. Já completou maior idade e continuam provocando acidentes, principalmente atingindo motociclistas e ciclistas. Enquanto o cerol é fabricado com uma mistura que pode ser feita com cola e pó de vidro ou cola e pó de ferro, a linha chilena é feita industrialmente e seu poder de corte é grande, pois à linha original são adicionados pó de quartzo e óxido de alumínio.

Segundo o diretor presidente do Detran, Roberto Fontelles, a ação teve como foco conscientizar os motociclistas a respeito dos riscos das linhas cortantes. “Estamos atuando de forma preventiva para evitar que os acidentes ocorram”, destacou. 

Na oportunidade, os instrutores do Detran deram dicas de segurança, lembrando que a diversão não deve virar tragédia. Foram distribuídos panfletos com dicas de segurança e representantes da Moto Cruz fizeram instalação de Antena Corta Pipa, gratuitamente. Além disso, durante a Operação Prevenção “Segundos que salvam vidas”, os condutores de motos puderam consultar, no Detran Itinerante, pontos na Carteira Nacional de Habilitação – CNH, nada consta e fazer agendamentos de serviços.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Magno coloca pimenta folha

16/08


2019

PSB julga expulsão de rebeldes dia 30

EXCLUSIVO

O presidente do PSB, Carlos Siqueira, convocou o diretório nacional do partido para se reunir, entre os dias 30 e 31 próximos, para analisar e votar o relatório do Conselho de Ética propondo punição aos dez deputados da legenda que descumpriram a orientação interna votando a favor da reforma da Previdência.

Em outra nota, também postada abaixo, ele desmente que apenas três deputados sofrerão penalidades, conforme informou o jornal O Globo. Veja o edital e a nota.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO

O Diretório Nacional do Partido Socialista Brasileiro (PSB), através de seu presidente, com fundamento no que dispõe o artigo 28, alíneas B e G do Estatuto Partidário, CONVOCA todos os membros titulares e suplentes do Diretório Nacional, a comparecerem às 08:30 horas dos dias 30 e 31 de Agosto de 2019, no Salão Azul Sul do Hotel Nacional, em Brasília, Distrito Federal, situado no Setor Hoteleiro Sul - Quadra 01- Bloco A - Asa Sul, a fim de discutir e deliberar sobre o seguinte temário: 1) Conferência Nacional e Autorreforma; 2) Julgamento dos Processos Disciplinares a seguir relacionados: A - Processo Disciplinar nº 001/2019 - Dep. Átila Lira; B - Processo Disciplinar nº 002/2019 - Dep. Emidinho Madeira; C - Processo Disciplinar nº 003/2019 - Dep. Felipe Carreras; D - Processo Disciplinar nº 004/2019 - Dep. Felipe Rigoni; E - Processo Disciplinar nº 005/2019 - Dep. Jeerson Campos; F - Processo Disciplinar nº 006/2019 - Dep. Liziane Bayer; G - Processo Disciplinar nº 008/2019 - Dep. Rodrigo Agostinho; H - Processo Disciplinar nº 009/2019 - Dep. Rodrigo Coelho; I - Processo Disciplinar nº 010/2019 - Dep. Rosana Valle; J - Processo Disciplinar nº 011/2019 - Dep. Ted Conti; 3) Assuntos Gerais. Essa convocação será encaminhada a todos os membros do Diretório Nacional, além de encontrar-se disponível no site www.psb40.org.br do Partido Socialista Brasileiro. Encareço a confirmação de sua ilustre presença com a brevidade possível, pelo e-mail: [email protected].

Saudações Socialistas,

Carlos Siqueira, presidente do Diretório Nacional do PSB

NOTA DO PRESIDENTE

EM NOME DA VERDADE

Em edição de ontem, o jornal o Globo desinforma seus leitores, ao afirmar que no PSB já “é dada como certa a expulsão de três deputados”. Essa informação é falsa e, havendo uma fonte que a ampare, tal fonte é mentirosa e irresponsável. O que existe, de fato e de direito, é a instalação de procedimento disciplinar no Conselho de Ética do partido, que avalia a postura de 10 deputados, que votaram contra os interesses de segmentos populares, na reforma da previdência.

A falsidade da afirmação se materializa pelo fato de que sequer a presidência do PSB tem conhecimento das deliberações do Conselho de Ética, em respeito absoluto à autonomia dessa instância consultiva do Diretório Nacional.

Observe-se, de outra parte, que Diretório Nacional não fará punições seletivas, apenando uns e deixando outros, que praticaram a mesma violência contra os segmentos representados pelo PSB, livres de ônus. Em direção contrária à matéria capciosa de O Globo, o Diretório Nacional preservará a coerência com a longa história do partido, de não praticar injustiça com quem quer que seja, e tampouco descriminação.

Ressalte-se por fim, e com o propósito de reconstituir a única verdade existente neste caso, que ninguém está autorizado a antecipar decisões que só o Diretório Nacional, composto por pessoas livres e independentes poderá tomar.

Carlos Siqueira, presidente nacional do PSB.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


16/08


2019

Advogado de Lula participa de seminário no Recife

O 3º Seminário Pernambucano de Direito Penal Econômico, promovido pela Escola Superior de Advocacia de Pernambuco (ESA-PE), terá o advogado do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva entre os palestrantes. O evento acontece nas próximas segunda e terça-feira (19 e 20.08), no auditório da OAB-PE, sempre às 18h30.

“Teremos muitos outros palestrantes importantes no seminário, mas não há dúvida de que a participação de Zanin ganha maior interesse em razão do cenário jurídico e político que o país atravessa e da atualidade do tema que o advogado paulista vai abordar”, afirma o coordenador do evento e diretor da ESA-PE, Yuri Herculano. A participação de Cristiano Zanin no seminário está marcada para a noite da terça-feira (20.08). Zanin vai falar sobre o “Princípio da imparcialidade na Operação Lava Jato”. Neste contexto, irá abordar a forma como foi conduzido o processo que levou à condenação do ex-presidente Lula.

“Nossa proposta, ao montar a programação deste 3º seminário, foi oferecer um evento com consistência científica; mas também fortalecer a ideia de que o direito – não só na área penal, mas em todos os seus ramos – tem que estar sempre conectado com a sociedade, com a realidade nacional. Afinal de contas, o direito é feito para as pessoas, e nunca pode perder de vista a sua correta aplicação e finalidade de interesse social”, concluiu Herculano.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Limoeiro

16/08


2019

O bem, o mal e o eclipse

Por Cássio Rizzonuto

Os próximos lances do presidente Jair Bolsonaro, no conturbado cenário político nacional, irão determinar se o seu governo pretende moralizar, ou apenas fazer remendos que cubram cabeças e deixem rabos de fora. Reportagem da Revista Crusoé desta semana faz desenho arrasador da atual situação política brasileira.

Tudo começou na decisão do presidente do STF, Dias Toffoli, que manobrou para salvar o senador Flávio Bolsonaro, ao suspender inquérito aberto a partir do relatório do Coaf que implicava o filho do presidente. No desdobramento, o episódio provoca espécie de isolamento do ministro Sérgio Moro (Justiça), afetando suas decisões.

O alinhamento do presidente com Dias Toffoli e Gilmar Mendes (este atuando nos bastidores), faz ressurgir desencanto que mobilizou multidões em defesa de sua eleição. E fortalece o temor de que Bolsonaro acabe por se tornar refém de velhos esquemas políticos para cujo combate foi eleito.

Frustra, ainda mais, porque o governo tem alcançado resultados positivos em curto espaço de tempo. Os níveis de violência caíram quase 25%, a Petrobras registrou lucrou de 17 bilhões de reais no último trimestre, o Brasil entrou no OCDE, a reforma da Previdência foi votada no Congresso, enfim, são inúmeras as conquistas.

Agora, com relação à corrupção, os últimos acontecimentos são extremamente desanimadores. A aprovação da lei de “abuso de autoridade” desmonta, praticamente, a Lava-Jato. Recentes medidas tomadas no âmbito do STF, nas canetadas do seu presidente, trazem de volta o sentimento de impunidade que é marca registrada do Brasil.

O governo Bolsonaro possui dois pilares de sustentação: os ministros Paulo Guedes (Economia) e Sérgio Moro (Justiça). Este último confere enorme credibilidade à gestão, especialmente no trabalho que realiza no combate à corrupção. Acontece que Bolsonaro vem sendo instado por ministros do STF para colocá-lo à margem.

Se Moro sair, o governo ficará capenga, com uma perna só. Se Guedes cair fora (depois de Moro), o governo desaba. Daí o que irá ficar? Quem deseja o PT e os seus esquemas de corrupção de volta? Será que os militares iriam assumir?

Gilmar Mendes e Dias Toffoli decidiram suspender as investigações da Receita Federal por terem chegado nos seus calcanhares. A Crusoé revelou que Toffoli recebe cem mil reais mensais de propina do escritório de advocacia da mulher, Roberta Rangel. Gilmar Mendes também tem negócios elevadíssimos e suspeitos com a própria esposa.

O que fica bem claro é que ministros do STF não podem ser investigados. E que o presidente Bolsonaro, devido à situação delicada do próprio filho (senador Flávio), terá de atender reivindicações de corruptos para evitar complicações.

Os ministros do STF, diz a Crusoé, estão pressionando Bolsonaro para demitir o presidente do Coaf, Roberto Leonel, espécie de braço direito de Moro no combate à corrupção pela Operação Lava-Jato. O fato é que a aprovação da lei do abuso de autoridade e outras medidas começam a reverter expectativas.

Os que acompanham o desenrolar do imbróglio desejam saber quem irá vencer no final: os mocinhos ou os bandidos? De um lado, Moro, sua equipe e os que fazem a Lava-Jato. De outro, STF, Rodrigo Maia, Davi Alcolumbre e deputados e senadores envolvidos em falcatruas. No meio de tudo, Bolsonaro, aturdido no tiroteio, pondo tudo a perder.

Ou ele veta integralmente a lei bandida, ou o desarranjo iniciado não terá como ser contido.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

16/08


2019

Governadores do NE se reúnem na próxima semana

Em meio aos desentendimentos com o presidente Jair Bolsonaro, os governadores do Nordeste acertaram para a próxima quarta-feira (21), em Teresina (PI), a reunião do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste.

O encontro do Consórcio Nordeste marca a disposição dos governadores de buscar caminhos para resistir à possibilidade de o presidente Jair Bolsonaro dificultar o envio de verbas federais para a região.

No dia seguinte ao encontro, será realizado em Teresina um evento da Associação Brasileira de Infraestrutura de Base (Abdib) chamado Oportunidades de Investimentos no NE. Clique aqui e confira a matéria do jornalista Tales Faria na íntegra


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


16/08


2019

Alexandre Frota se filiará ao PSDB

O deputado federal Alexandre Frota (SP), expulso do PSL nesta semana, confirmou ao G1, hoje, que vai se filiar ao PSDB a convite do governador de São Paulo, João Doria.

Eleito com mais de 155 mil votos em 2018, Frota se elegeu como um dos nomes mais próximos do presidente Jair Bolsonaro. Nos últimos meses, porém, o deputado passou de apoiador dedicado a um crítico do governo e de Bolsonaro.

Diante das críticas cada vez mais frequentes, Frota foi alvo de dois pedidos de expulsão do PSL: da deputada Carla Zambelli e do senador Major Olímpio, desafetos públicos e adversários dentro do partido.

Segundo Frota, depois da expulsão do PSL, ele chegou a conversar com outros partidos, mas optou pelo PSDB. O deputado disse ao G1 que recebeu convites de DEM, MDB, Podemos, PRB, PP e PL, e que se sentiu "prestigiado" com o reconhecimento de diversas siglas.

"Se eu tomei a decisão de me filiar ao PSDB? Sim, tomei a decisão. Não foi fácil tomar a decisão, eu não queria ter saído do PSL da maneira como foi, inclusive. [...] Mas enfim, foi uma decisão acertada, foi uma decisão muito pensada, conversamos muito, eu conversei muito com a executiva do PSDB, com o João Doria, que o convite partiu dele, com o Bruno Araújo [presidente nacional do PSDB]", afirmou.

O deputado, que deve se filiar ao PSDB ainda nesta sexta, ressaltou que pesou para a sua decisão a amizade com Doria, a quem chamou de "amigo".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


16/08


2019

Prefeito de Gravatá visita centro de monitoramento em SP

Durante viagem a São Paulo, o prefeito de Gravatá, Joaquim Neto (PSDB), tem visitado cidades que possuem Centros de Segurança Integrada – (CSI), trata-se de um sistema de segurança que utiliza o videomonitoramento, tecnologia usada nas cidades de Guararema, Indaiatuba e Atibaia, por exemplo. O objetivo das visitas é o de analisar a possibilidade de instalar o mesmo sistema de segurança em Gravatá.

"Estamos realizando visitas de campo e buscando referências para montarmos nossa CSI em Gravatá. Os números mostram o quanto as cidades paulistas se tornaram mais seguras após a instalação dessas centrais e como esse monitoramento tem auxiliado a ação da polícia nas autuações e também na prevenção ao crime," explicou o prefeito.

O modelo de monitoramento se tornou referência no país desde sua instalação e, graças às imagens capturadas pelas centrais, a identificação de infrações, como furtos, estelionato, roubos e tráfico, por exemplo, tem sido facilitada. As imagens gravadas pelo sistema de videomonitoramento são acompanhadas em tempo real, 24 horas por dia, por uma equipe que conta com representantes das polícias e do Corpo de Bombeiros, que por suas vezes, mantêm contato direto com as bases para acioná-los imediatamente ao avistarem atitudes suspeitas. As câmeras também atuam no apoio à Fiscalização e ao SAMU.

Durante as visitas técnicas, o prefeito tem sido acompanhado pelos Promotores do Ministério Público, Dra. Fernanda Nóbrega e Dr. Luís Sávio, os secretários de Infraestrutura, Euclides Gomes, de Defesa Social, José Pedrosa, além do comandante da Guarda Municipal, Paulo Villar, e do coordenador de Tecnologia do Município, Gustavo Villar.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


16/08


2019

Recife recebe Campanha Nacional de Filiação do PSL

O Partido Social Liberal (PSL), presidido pelo deputado federal Luciano Bivar, realiza a Campanha Nacional de Filiação ao partido no Recife, neste sábado (17). Das 9h às 17h, os interessados podem comparecer ao antigo Comitê de Bolsonaro, que fica na Avenida Boa Viagem, Nº 97, no bairro do Pina. 

Ao longo dia, o evento contará com a presença do presidente do partido, Luciano Bivar, além de lideranças políticas do Sertão e caravanas vindas de cidades da Região Metropolitana do Recife, da Zona da Marte Norte e da Zona da Mata Sul. Um stand de filiações online estará a disposição dos que desejarem ingressar ao PSL durante o evento, que contará com apresentações culturais. 

Para as eleições municipais, em 2020, o PSL/PE, presidido por Marcos Amaral, espera aumentar significativamente o número de prefeitos e vereadores. Atualmente, o partido tem uma prefeitura, Araripina, no Sertão de Pernambuco, com Raimundo Pimentel e 42 vereadores.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


16/08


2019

Geraldo se antecipa ao PSB e garante Felipe

A executiva nacional do PSB em Brasília nem sequer marcou a data do julgamento dos dez deputados do partido que se rebelaram votando a favor da reforma da Previdência, quando a orientação era pela rejeição, mas o prefeito Geraldo Júlio já garantiu, em entrevista a Aldo Vilella, da Transamérica, que o deputado Felipe Carreras não será punido. Revela que tem muito poder sobre o comando nacional do partido.

“Os partidos podem tirar o cavalinho da chuva porque Felipe fica no PSB. Ele é um quadro importante, militante desde a juventude do partido, foi da juventude ainda com Miguel Arraes, esteve ao lado de Eduardo Campos, atuou na Prefeitura comigo, tem serviços prestados no Governo do Estado também. Felipe é um deputado do PSB, militante da Frente Popular, do campo popular. Não tem nenhuma possibilidade disso acontecer. Estamos tratando isso com muita maturidade. Felipe continua no partido sim, essa é minha posição”, disse Geraldo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


16/08


2019

Bolsonaro sobre mudança na PF: Quem manda sou eu

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, na manhã de hoje, que “ficou sabendo” que quem assumirá a chefia da Polícia Federal no Rio de Janeiro será o chefe da PF no Amazonas, Alexandre Silva Saraiva. A afirmação vem um dia depois de a PF divulgar que o superintendente da corporação em Pernambuco, Carlos Henrique Oliveira Sousa, é quem substituiria o chefe da PF no Rio, Ricardo Saadi. A informação foi antecipada em reportagem do Estadão/Broadcast. Sobre esse assunto, essa é a segunda vez, em dois dias, que as versões do presidente e da PF se contradizem.

“O que eu fiquei sabendo… Se ele resolver mudar, vai ter que falar comigo. Quem manda sou eu… deixar bem claro”, afirmou Bolsonaro sobre uma possível mudança de nomes para o cargo. “Eu dou liberdade para os ministros todos. Mas quem manda sou eu”, reforçou. “Está pré-acertado que seria lá o de Manaus”, afirmou, sem esclarecer a quem se referia. Ontem, Bolsonaro alegou “questões de produtividade” e “um sentimento” para tirar Saadi do comando da PF no Rio. Questionado hoje se havia partido dele mesmo a decisão, Bolsonaro afirmou apenas que “não interessa o motivo”. Bolsonaro também afirmou que Saadi “vai produzir melhor em outro lugar” e disse que não questionou a “falta de produtividade” do delegado. “Eu falei sobre produtividade e não falta de produtividade”, disse.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores